Início Notícias Rodolfo Landim é reeleito presidente do Flamengo por mais três anos

Rodolfo Landim é reeleito presidente do Flamengo por mais três anos

Em eleição realizada neste sábado, na Gávea, os sócios do Flamengo reelegeram Rodolfo Landim como presidente do clube para o triênio 2022/2023/2024 com 64,9% dos votos.

Existia a expectativa de que Landim fosse reeleito com mais de 80% dos votos – dessa forma, seu grupo ficaria com 100% das cadeiras no Conselhos Deliberativo e de Administração, o que tiraria a força da oposição no próximo triênio. Com a porcentagem obtida, a Chapa Roxa terá 120 cadeiras no Deliberativo e 48 no de Administração.

Com 2.002 no total, essa foi a eleição presidencial do Flamengo com o menor número de votos desde 2006, quando Márcio Braga foi eleito num pleito que contou com 1.684 votantes.

O resultado da eleição:
– Rodolfo Landim (Chapa Roxa): 1.301
– Walter Monteiro (Chapa Ouro): 283
– Marco Aurélio Asseff (Chapa Azul): 284
– Ricardo Hinrichsen (Chapa Branca): 134
Total: 2.002 votos

“Serão 3 anos difíceis, sem dúvidas, mas se conseguimos chegar até aqui, conquistamos o que conquistou, com a união de todos e tempos melhores que virão, vamos conseguir resultados ainda melhores. Foi uma vitória bastante expressiva e acho que essa é a demonstração que estamos no caminho certo. Serão mais 3 anos duros e acho de mais importante é que nossa Chapa chama UniFla e a gente sempre propôs a união”, declarou Rodolfo Landim

Landim foi eleito pela primeira vez em 2019, ano em que o Flamengo aumentou o investimento no futebol. Conquistou uma Libertadores, dois Brasileiros, duas Supercopas, uma Recopa e três Cariocas, além de títulos no basquete, remo e outras modalidades olímpicas.

Em seu segundo mês à frente do clube, o mandatário viveu seu momento mais difícil, o incêndio no Ninho do Urubu que resultou na morte de dez jovens. O Flamengo só não conseguiu acordo com uma das 26 famílias afetadas, a do goleiro Christian Esmério.