Com um jogador a mais, Flamengo toma empate do Grêmio após abrir 2 a 0

FOTO: DIVULGAÇÃO/ FLAMENGO

Mesmo com time reserva, o Flamengo abriu vantagem de dois gols, mas cedeu o empate na Arena do Grêmio


O Flamengo empatou em 2 a 2 com o Grêmio, nesta terça-feira (23), em Porto Alegre, em jogo adiado da segunda rodada do Brasileirão. Mesmo após abrir doi gols de vantagem, com um a mais em campo, o Mengo não conseguiu segurar o resultado e deixou escapar ótima chance de se aproximar do líder Atlético-MG.

O JOGO:

A partida começou com ritmo mais devagar. O Flamengo, mesmo com reservas, assumiu o controle da posse de bola e, com paciência, tentava chegar à área do Grêmio. Já os mandantes tentavam pressionar a marcação para sair em contra-ataque.

Nesse desenho do duelo, o Grêmio chegava com mais perigo e, aos 16 minutos, teve a primeira oportunidade clara de gol. Após bola levantada na área, Jhonata acertou cabeçada na direção do gol, mas Gustavo Henrique salvou em cima da linha.

Apesar do ‘quase gol’ do Grêmio, posteriormente o jogo voltou ao ritmo desacelerado. O Flamengo, inclusive, só foi conseguir a primeira finalização a gol aos 30 minutos, em cobrança de falta Kenedy, que parou na barreira do adversário.

Depois, o Mengo encontrou algumas outras finalizações de fora da área, mas levou pouco perigo ao gol do Grêmio. O time gaúcho, no entanto, encontrava melhores oportunidades e quase abriu o placar novamente. Diego Souza acertou chute forte, forçou boa defesa de Hugo. No rebote, Ferreirinha errou o domínio e desperdiçou a oportunidade.

No intervalo, Renato fez a primeira mudança no time, colocando Bruno Viana no lugar de Gustavo Henrique. Antes mesmo o zagueiro entrar no ritmo do jogo, com um minuto do segundo tempo, Diego Souza acertou belo chute de fora da área e quase abriu o placar.

Ao contrário da primeira etapa, o Grêmio passou a ter mais iniciativa e controlou as ações de jogo no segundo tempo, até porque precisava urgentemente de uma vitória, visando permanecer na Série A.

Aos 12 minutos, Renato Gaúcho acionou Arrascaeta, que voltou a entrar em campo após quase dois meses. O uruguaio, contudo, precisou de menos de um minuto para mostrar categoria e iniciou a jogada que abriu o placar. O camisa 14 fez belo lançamento para Rodinei, que cruzou e achou Vitor Gabril. O garoto tentou chute improvável, mas a bola parou em Vitinho, que dominou e guardou a bola no fundo das redes.

Logo depois, a situação ficou ainda pior para o Grêmio. Jhonata acertou cotovelada em Vitinho, recebeu cartão amarelo e acabou expulso de campo. Com vantagem no placar e um jogador a mais em campo, o Mengo adotou postura mais defensiva, para explorar os contra-ataques. Dessa forma, criou mais oportunidades, e Kenedy quase marcou um golaço. Em chute cruzada na grande área, o atacante exigiu ótima defesa do goleiro adversário e por pouco não ampliou.

Mesmo com ótima vantagem e um jogador a mais em campo, o Flamengo não segurou o placar e permitiu ao Grêmio empatar a partida. Primeiro, Borja, sozinho na pequena área, diminuiu para o time gaúcho. Depois, Ferreirinha fez boa jogada individual e fez um golaço para deixar tudo igual. Nos minutos finais, o Mengo voltou a buscar o ataque, na tentativa de ainda buscar a vitória.

Retirado de: Coluna do Fla
Por: Jonas Coelho

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui