Sormani diz que Gabigol é mais jogador do que foi Renato Gaúcho

Renato Gaúcho com Gabigol no Flamengo – Foto: Divulgação

TORCEDORES: Após o Flamengo derrotar o Bahia por 5 a 0 neste domingo, pelo Brasileirão, com três gols de Gabigol, Renato Gaúcho, técnico da equipe, elogiou o jogador, mas brincou.

“Você (Gabriel Barbosa) é um grande jogador, de nível de seleção brasileira, mas se for ver meu DVD, vai querer fazer isso em campo e vai se atrapalhar. Continue fazendo os gols, que você tem nos ajudado bastante”, disse o treinador após o jogo.

Segundo o comentarista Sormani, da ESPN, a brincadeira do treinador tem uma verdade. Para ele, Renato Gaúcho acredita sim que foi melhor que Gabigol. No entanto, o jornalista discorda.

“Mas não é verdade: Renato Gaúcho não foi mais jogador do que Gabriel o é neste momento. E olha que a carreira do alcunhado cafonamente Gabigol nem terminou. Ele pode atingir patamares que o atual treinador do Flamengo não conseguiu. Se Gabriel fracassou na Europa com a camisa da Inter de Milão, o falastrão treinador do Flamengo fez o mesmo com a camisa da Roma no final da década de 1980”, escreveu Fábio Sormani no seu blog no site da ESPN.

O jornalista segue o texto listando os históricos entre os dois e destacando os grandes feitos de Gabigol, que ainda não encerrou a carreira.

“Portanto, ao invés de jogar confetes em si mesmo, Renato deveria encher a bola de Gabriel, porque Gabriel pode dar a ele um títulos que ele, como treinador, não tem: um Brasileiro e um Mundial de clubes”, completa ele. “Renato Gaúcho entrou em campo; não entra mais. Gabriel ainda calça chuteiras”, conclui.