Jogadores do Flamengo estão há mais de 3 meses sem dar entrevista coletiva

São 101 dias sem qualquer coletiva de imprensa. Ou seja, mais de três meses que os atletas não respondem a questionamentos dos jornalistas.

Everton Ribeiro em entrevista coletiva – Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

COLUNA DO FLA: O Flamengo vive um momento conturbado e, por enquanto, nenhum pronunciamento oficial. No entanto, não é de hoje que o silêncio reina no Ninho do Urubu. São 101 dias sem qualquer coletiva de imprensa dos jogadores rubro-negros. Ou seja, mais de três meses que os atletas não respondem a questionamentos dos jornalistas.

A última coletiva aconteceu no dia 30 de março, com Diego Ribas sendo o responsável. Antes disso, somente em duas outras oportunidades houve a ida à Sala de Imprensa na temporada 2021. Em 11 de março, Michael foi o escolhido e no dia 04 do mesmo mês, Natan foi quem respondeu aos questionamentos. Sendo assim, durante o calendário deste ano, apenas três coletivas foram realizadas.

CONFIRA AO CALENDÁRIO:
04/03: Entrevista Coletiva – Natan
11/03: Entrevista Coletiva – Michael
30/03: Entrevista Coletiva – Diego Ribas

Fora isso, as únicas coletivas feitas atualmente são após as partidas, como parte do protocolo das competições. No geral, o técnico Rogério Ceni é quem fala, entretanto, na Conmebol Libertadores, o treinador é acompanhado de algum jogador. Cabe esclarecer, inclusive, que somente os jornalistas presentes no estádio podem enviar perguntas no pós-jogo.

Durante este período, os jogadores apareceram oficialmente somente em quadros gravados da ‘FlaTV’, canal do clube no YouTube. Como por exemplo, o ‘Resenha do Craque’, protagonizado por alguns atletas após boas atuações nos jogos.

Vale destacar, aliás, que o dia a dia do Flamengo tem sido cada vez mais blindado e sem respostas à torcida e à imprensa. Afinal, por conta da pandemia, a rotina de cobertura no Ninho do Urubu tem sido mais restrita, isso porque, como dito, além da falta de coletivas, não há também a cobertura dos treinamentos.