Middlesbrough oferece R$ 6 milhões ao Flamengo pelo empréstimo de Rodrigo Muniz

A diretoria rubro-negra aumentou recentemente a pedida para 8 milhões de euros, em torno de 48 milhões de reais, pela venda em definitivo.

Rodrigo Muniz treinando no Flamengo – Foto: Alexandre Vidal

O DIA: O Flamengo recebeu mais uma oferta de um clube europeu por Rodrigo Muniz. O Middlesbrough, da Inglaterra, formalizou proposta pelo atacante de empréstimo de 12 meses, com o Rubro-Negro recebendo compensação financeira de 1 milhões de euro, cerca de 6 milhões, além de opção de compra estabelecido em contrato, com valor a combinar.

O Middlesbrough se junta a Genk, Atlético de Madrid e Al Nasr, outros clubes já fizeram proposta por Rodrigo Muniz. Porém, apenas o time dos Emirados Árabes mantém negociações nesse momento para tentar a contratação do jovem atacante. Inclusive, os representantes do atleta já têm um acordo com o clube do Mundo Árabe: US$ 4,5 milhões para fechar contrato de três anos, bonificação de US$ 5 mil por cada gol e assistência, além de casa e carro pagos pela diretoria.

Depois do “ok” de Rodrigo Muniz, o Al Nasr iniciou as tratativas com o Flamengo, que inicialmente topava vender 80% dos direitos econômicos do jogador por 5 milhões de euros, cerca de 30 milhões de reais. Porém, depois de boas partidas do atacante, a diretoria rubro-negra aumentou a pedida para 8 milhões de euros, em torno de 48 milhões de reais.

Nesta quinta-feira, os representantes do Al Nasr na negociação, que são intermediários brasileiros, comunicaram ao Flamengo que os “sheiks” topam pagar 4 milhões de euros, cerca de 24 milhões de reais, por 50% dos direitos econômico. O Rubro-Negro tem o receio de vender por esse valor e não conseguir faturar no futuro, pois ele iria para um mercado que não é uma vitrine para clubes europeus.

Uma nova reunião deve acontecer nesta sexta-feira entre Bruno Spindel, diretor executivo do Flamengo, com os representantes do Al Nasr para debater o assunto. A estratégia do clube dos Emirados Árabes é ganhar tempo e esperar Rodrigo Muniz voltar a ser menos acionado, com o retorno de Gabigol da Seleção, e, com isso, o Fla topar fazer o negócio por cifras menores das que foram pedidas.

Enquanto vive esse furacão de incertezas, Rodrigo Muniz segue com foco no Flamengo e à disposição do técnico Rogério Ceni. O camisa 43 treina normalmente e continuará sendo relacionado para as partidas enquanto não tiver o futuro definido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui