CBF desiste de recurso e Pedro não tem mais chances de jogar as Olimpíadas

A entidade informou que abriu mão do julgamento e o STJD decretou "perda do objeto", o que tornou definitiva a decisão favorável ao Flamengo.

Atacante Pedro, do Flamengo, na Seleção Brasileira Olímpica – Foto: Ricardo Nogueira

UOL: A CBF desistiu do recurso pela convocação de Pedro para os Jogos de Tóquio e a questão está encerrada. Em sessão realizada hoje (8), a entidade informou que abria mão do julgamento e o Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) decretou “perda do objeto”, o que tornou definitiva a decisão favorável ao Flamengo.

A entidade alegou que não via mais necessidade de discutir o tema, visto que já fechou sua lista de convocados e não haveria razões para prosseguir com a guerra judicial.

O caso já havia sido analisado por Otávio Noronha, presidente do órgão, que concedeu liminar ao Rubro-negro e afirmou “permitir ao Clube Requerente, que não ceda o atleta Pedro à Seleção Olímpica de Futebol, autorizando a escalação do Jogador pela Equipe do Flamengo até o julgamento final deste feito”.

“Necessário outrossim, que se determine à Confederação que se abstenha de praticar qualquer ato que impeça ou dificulte a escalação do atleta nas competições nacionais em andamento”, acrescentou Noronha.

O prazo final para o envio da lista dos jogadores que irão disputar os Jogos de Tóquio-2020 seria no dia 30 de junho, mas a Fifa prorrogou o limite para o dia 2 de julho. Ficou definido também que serão 22 nomes, em vez dos 18 previstos inicialmente.

Com Pedro à disposição, o técnico Rogério Ceni começa a montar o Fla que encara no domingo (11) a Chapecoense, às 18h15, no Maracanã.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui