Comentarista diz que Juventude x Flamengo ter acontecido naquelas condições foi uma vergonha: “Não teve futebol”

Durante o programa ‘SBT Esporte Rio’, Pedro Certezas e Casimiro Miguel falaram sobre o confronto e classificaram o gramado como ‘vergonha’.

Diego Alves e Gustavo Henrique no Flamengo – Foto: Alexandre Vidal

DIÁRIO DO FLA: O Flamengo foi derrotado no último domingo contra o Juventude na sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Mas o que chamou atenção foi o gramado encharcado do Alfredo Jaconi, que foi determinante para a vitória do time gaúcho. Durante o programa ‘SBT Esporte Rio’, os comentaristas Pedro Certezas e Casimiro Miguel falaram sobre o confronto e classificaram o gramado como ‘vergonha’.

“Lá no Alfredo Jaconi é isso aí. Quando se pensa em jogo, você pensa em jogo chuvoso, com neblina, sem condições. Não teve futebol em certos momentos. Matheuzinho tinha que imaginar que isso poderia acontecer. Os jogadores do Juventude já estavam esperando alguém errar. O atacante já foi rápido em cima da poça, tem toda a malandragem dos atletas que estão acostumados a jogar lá”, disse Casimiro.

“Adiar um jogo do Campeonato Brasileiro não é como adiar uma pelada, envolve muita coisa, mas o gramado influenciou demais no resultado da partida. É uma vergonha um campo de Série A estar assim, com uma drenagem pífia. Tinha que pelo menos esperar um pouco para começar o jogo, pra ver se situação melhoraria. É vergonhoso”, complementou Pedro.

Aos 25 minutos da etapa inicial, Matheuzinho tentou recuar para Diego Alves, mas a bola parou na poça e sobrou livre para Matheus Peixoto fazer o gol do Juventude. Com mais uma derrota, o Rubro-Negro está na 10ª posição do Campeonato Brasileiro, com nove pontos. O time de Rogério Ceni teve duas partidas adiadas, contra Grêmio e Athletico Paranaense, por conta de desfalques para a Copa América, ainda não remarcadas.