Flamengo de Ceni supera marca defensiva da Era Jorge Jesus

A última vez que o Flamengo ficou cinco jogos sem sofrer gols foi no período entre maio e junho de 2018.

Rodrigo Caio cabeceando em Flamengo x Coritiba – Foto: Alexandre Vidal

COLUNA DO FLA: Sem ser vazado há cinco jogos, o setor defensivo de Rogério Ceni, um dos pontos mais questionados de seu trabalho no Flamengo, superou os números da defesa de Jorge Jesus e está a uma partida de igualar a marca expressiva de Maurício Barbieri. A última vez que o Mais Querido atingiu esta sequência de confrontos sem sofrer gols foi no período entre maio e junho de 2018.

O atual setor defensivo de Rogério Ceni tem números superiores aos de Domènec Torrent e Jorge Jesus. A maior sequência do Mister sem ser vazado foi de três jogos, em três oportunidades diferentes. A primeira delas ocorreu no período entre 01 e 14 de setembro de 2019, quando superou Palmeiras, por 3 a 0, Avaí, pelo mesmo placar, e 1 a 0 no Santos.

Já em outubro de 2019, o Flamengo venceu o Fluminense por 2 a 0, no Maracanã, o Grêmio pelo histórico 5 a 0 e o CSA, pelo Brasileirão, por 1 a 0, também no Templo Sagrado. A terceira – e última – vez que o Rubro-Negro fico três jogos sem sofrer gols sob o comando de Jesus, foi em 2020, pela Taça Rio, contra Bangu, Boavista e Volta Redonda.

Maurício Barbieri, por sua vez, chegou a cinco jogos sem ser vazado no período entre 26 de maio e 10 de junho de 2018, quando venceu todos compromissos contra Atlético-MG, Bahia, Corinthians, Fluminense e Paraná. Contudo, o ex-técnico do Flamengo atingiu a marca de seis jogos consecutivos sem sofrer gols – no período entre Libertadores, Brasileirão e Copa do Brasil, em abril e maio do mesmo ano.

Caso o Flamengo mantenha a sequência e supere o Bragantino, no próximo sábado (19), às 21h (horário de Brasília), sem ser vazado, poderá alcançar o recorde das últimas três temporadas. A partida contra a equipe paulista é válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Cabe destacar que o Mengo tem dois jogos adiados – contra o Grêmio e Athletico-PR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui