Comunicada, Flamengo vê nova convocação de Pedro como afronta da CBF

Após acatar pedido do Palmeiras, o do Flamengo foi ignorado para gerar o constrangimento de o clube negar a liberação publicamente.

Pedro, do Flamengo, treinando na Seleção Brasileira – Foto: Divulgação

FLARESENHA: O Flamengo comunicou oficialmente à CBF que não iria liberar o atacante. Mesmo assim, a entidade chamou o jogador. A decisão da Confederação foi interpretada pelo clube como uma afronta. Segundo a diretoria, a CBF chegou a enviar um documento ao Flamengo, informando que deveriam desconsiderar a convocação do atleta. O entendimento, no entanto, é que a atitude foi para “afrontar” o clube carioca.

Explica-se: O Real Madrid avisou que não liberaria o atacante Rodrygo e a CBF não rebateu. O Palmeiras avisou que não liberaria Weverton, e Jardine chamou o goleiro Santos. Já o pedido do Flamengo foi solenemente ignorado para gerar o constrangimento de o clube da Gávea negar a liberação publicamente.

Logo após o anúncio, o vice-presidente de Relações Externas do Flamengo, Luiz Eduardo Baptista, o “Bap”, comentou o ocorrido em sua conta pessoal no Twitter: