Bangu aciona o Flamengo na FIFA por possível dívida referente a Pedro

O Bangu acionou o Mais Querido na FIFA para que o clube repasse o percentual de equipe formadora referente à primeira parcela paga à Fiorentina por Pedro.

COLUNA DO FLA: No fim de 2020, o Flamengo exerceu o direito de compra do atacante Pedro junto à Fiorentina, e adquiriu o atacante por um valor estimado em R$ 94,5 milhões, (14 milhões de euros). Em meio a isso, o Bangu acionou o Mais Querido na FIFA para que o clube repasse o percentual de equipe formadora referente à primeira parcela paga ao time europeu pela aquisição do atleta, no valor de R$ 15 milhões.

De acordo com o jornal O Globo, o Flamengo já está ciente do caso e contesta a ação, alegando problema envolvendo o passaporte esportivo do camisa 21. Vale lembrar que a Polícia Civil do Rio apura possível fraude no documento do jogador, que atesta que ele atuou clube carioca entre 2011 e 2013.

+ Pedro busca sua primeira artilharia pelo Flamengo

Para ilustrar, o passaporte esportivo é utilizado para que a equipe formadora do atleta possa buscar o recebimento do ‘mecanismo de solidariedade’. Este recurso possibilita ao clube receber 5% do valor dos contratos em vendas futuras. Dessa forma, o Bangu embolsaria R$ 750 mil. O atacante Pedro nega que tenha utilizado a camisa do time da Zona Oeste do Rio. Contudo, a diretoria divulgou a súmula de uma suposta partida em 2011.

A súmula em questão foi viabilizada pela Federação de Futebol do Rio (FERJ) à CBF e entregue à Delegacia de Defraudações juntamente com o passaporte esportivo. De acordo com a diretoria do Flamengo, o documento possui problemas. O Rubro-Negro acionou seu departamento jurídico para que o caso seja solucionado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui