Rafinha recua em valores pedidos, fica perto do Grêmio e revolta Nação

Jogador, cujo motivo econômico teria impedido que voltasse ao Flamengo, deverá assinar contrato de um ano no Grêmio

O Flamengo ainda segue no processo de montagem do elenco que vai entrar em campo na temporada de 2021. Com os titulares sendo integrados aos poucos ao grupo que vinha disputando as primeiras partidas do Campeonato Carioca, o momento é de testes enquanto a diretoria monitora o mercado.

Até o momento, o único reforço acertado foi o zagueiro Bruno Viana, o que mostra que o Fla pôs o “pé no freio” em relação ao mercado de transferências na comparação com o que o prórprio clube fez no início de 2020. Mas a Nação gostaria que a diretoria tivesse garantido ao menos um nome nas últimas semanas.

O lateral-direito Rafinha, campeão da Libertadores e do Campeonato Brasileiro em 2019 com a camisa rubro-negra ficou livre no mercado após deixar o Olympiacos, da Grécia. Quando tudo apontava para um desfecho feliz entre as partes, com a volta do lateral, o aspecto financeiro surgiu como empecilho.

Alguns dias após não chegar a um acordo com o Flamengo, Rafinha está muito próximo de ser anunciado como novo reforço do Grêmio. No Sul, o lateral de 35 anos receberá um salário de aproximadamente R$ 400 mil mensais segundo a informação do repórter da rádio Bandeirantes, Vagner Martins. 

O fato fez com que a torcida do Flamengo fosse até as redes sociais questionar o motivo do lateral ter feito uma pedida mais modesta ao Tricolor gaúcho em relação ao que receberia na Gávea. O que pode explicar é a intervenção de Renato Gaúcho, que convenceu o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan, a contratar o atleta.

Fonte: Bolavip

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui