Empresários batem de frente com diretoria e futuro de Arrascaeta no Flamengo está em xeque; clube do Egito sonda camisa 14

Segundo Djalminha, problema está relacionado a questões contratuais

Arrascaeta se firma
FOTO: MARCELOS CORTES / FLAMENGO

O Flamengo começa a semana com a reapresentação do elenco principal, com a derrota no Fla-Flu para digerir e com uma questão indigesta para solucionar referente a um atleta importante do plantel comandado por Rogério Ceni: a permanência do uruguaio Arrascaeta.

Na noite deste domingo(14), durante o programa SportsCenter da ESPN Brasil, o ex-jogador Djalminha tornou pública a informação que um problema contratual de Arrascaeta com o Mengo pode fazer com que o jogador não permaneça no Rubro-Negro. Os representantes do jogador alegam que a diretoria deixou de seguir determinações no acerto do meia com o clube.

Trata-se de mais um imbróglio na mesa do vice de futebol Marcos Braz, que também terá que administrar o problema de Gabigol, que foi flagrado em um cassino clandestino, na madrugada do domingo(14).

Entretanto, em apuração do repórter Pedro Henrique Torre, o meia uruguaio não se reapresenta nesta segunda-feira(15) com o restante do elenco, pois combinou com Rogério Ceni que chega ao Ninho na terça-feira(16), por conta das dificuldades relacionadas aos voos. O repórter também apurou que o Flamengo desconhece qualquer insatisfação do staff de Arrascaeta, mas Pedro Henrique afirma em postagem que há um clube do Egito interessado no jogador.

Contratado em 2019, Arrascaeta, de 25 anos, assinou por cinco temporadas, na época, chegou à Gávea como a maior contratação da história do clube, que desembolsou cerca de € 15 milhões (aproximadamente R$ 63,7 milhões) na aquisição. O contrato de Arrascaeta termina em dezembro de 2023.

Fonte: Bola Vip

DEIXE UM COMENTÁRIO