Landim topa pagar até R$ 1,3 milhões e Everton Ribeiro é o 1ª da lista caso o Flamengo vença o Brasileirão

Quantia será paga aos jogadores e comissão técnica caso a equipe confirme a conquista do torneio nacional, sendo a quantia de R$ 33 milhões dividida em porcentagem

Foto: Daniel Castelo Branco / Agencia O Dia - Daniel Castelo Branco

O Flamengo conseguiu assumir a 1ª colocação do Campeonato Brasileiro 1 rodada antes do término, abrindo 2 pontos de vantagem e dependendo só de si para erguer a taça. Caso vença o São Paulo no Morumbi, não poderá ser alcançado pelo Internacional, que está em 2ª e enfrenta o Corinthians.

O possível título traz uma paz ao time comandado por Rogério Ceni, que não conseguiu manter uma regularidade no ano, mas pode ser coroado pela melhora nas últimas rodadas, em uma arrancada que trouxe a equipe novamente ao favoritismo.

Além da moral por poder erguer 2 títulos seguidos em 2019 e 2020, o Mais Querido receberia novamente o montande te R$ 33 milhões pagos pela CBF, e como na temporada passada, iria dividir o valor entre os jogadores e a comissão técnica.

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Essa divisão deve ser feita por porcentagem, sendo 70% aos atletas. Porém, nem todos ganharão na mesma forma, já que os que mais atuaram tem “vantagem” nesse quesito, recebendo uma quantia maior. Nessa “lista”, Everton Ribeiro, que entrou em campo em 31 jogos (podendo completar 32 se atuar contra o São Paulo), é quem mais será beneficiado, com algo em torno de R$ 1,3 milhões, segundo informou o jornalista Jorge Nicola.

Abaixo do meia, vem 3 jogadores: Gerson, William Arão e Pedro, que atuaram em 30 partidas. Vale lembrar que o camisa 5 deve ser desfalque em decorrência de uma lesão no pé, enquanto a dupla poderá ser escalada por Ceni no Morumbi.

Fonte: BolaVip

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui