Marcos Braz rebate Domènec por ‘falta de apoio’ no Flamengo: “Do Departamento de Futebol, sempre teve”

O treinador revelou que nunca sentiu apoio da diretoria do clube e que tinha que trabalhar em função dos resultados.

A tarde da última terça-feira (16) foi agitada no CT Ninho do Urubu. Depois da apresentação do zagueiro Bruno Viana, primeiro reforço do Flamengo para 2021, o vice-presidente de futebol do Rubro-Negro, Marcos Braz concedeu entrevista coletiva e respondeu a diversos questionamentos de jornalistas que cobrem o Fla.

Em uma das perguntas, o dirigente foi indagado sobre a declaração recente de Doménec Torrent, ex-técnico do Mais Querido, na qual o catalão teceu críticas à diretoria do clube. Sobre o assunto, Braz garantiu que o departamento de futebol sempre deu o respaldo necessário ao treinador e negou qualquer falta de transparência com o profissional.

– Acho que teve um problema de tradução aí. Ponderei algumas coisas dentro da razoabilidade. Em algumas questões, houve problema de tradução. Não sei qual o sentimento que ele falou, qual o contexto, mas posso te afirmar que do departamento de futebol ele sempre teve apoio. Até fomos bastante questionados por isso aí. Queriam essa troca até anteriormente, mas achávamos que não era o momento. Quando contratamos jogador ou técnico, estudamos e avaliamos muito, torcemos para dar certo. Não foi diferente com o Dome. Tentamos dar o carinho possível, o que tínhamos de experiência, mas, infelizmente, tivemos que trocar.

Em entrevista ao “ge”, concedida no início de fevereiro, Doménec quebrou o silêncio e detonou a postura da cúpula rubro-negra. O ex-auxiliar de Pep Guardiola revelou que nunca sentiu apoio dos cartolas do clube e que tinha que trabalhar em função dos resultados.

– O que eu sentia, o que nos parecia, é que estaríamos fora após perder a primeira partida. E foi o que aconteceu. Não senti nenhuma garantia, nenhum apoio da diretoria. Nunca. Nunca. Eu agradeço muito que tenham me contratado. Eu tinha contato com Marcos Braz, da diretoria, e Bruno Spindel. São os únicos com quem falava e interagia um pouco. Mas… como pode ser que, a cada partida, você esteja preocupado com se ganha ou não e como vão olhar para você dependendo do resultado?

NÚMEROS DE DOMÈNEC NO FLAMENGO
23 jogos
13 vitórias
4 empates
6 derrotas
62,3% de aproveitamento
38 gols marcados
36 gols sofridos