Na coletiva, Rogério Ceni fala sobre a aproximação do título: “O ideal é jogar sempre bem e vencer os jogos”

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Em uma noite iluminada, Flamengo venceu Sport pelo placar de 3 a 0, em jogo válido pela trigésima terceira rodada do Brasileirão. Os gols do Mengão foram marcados por: Gabigol, Bruno Henrique e Pedro.

Após a partida, o técnico Rogério Ceni concedeu uma entrevista coletiva e respondeu às perguntas dos jornalistas.

Sobre a importância da vitória e ausência da torcida no estádio:

“Foi uma boa vitória. Com certeza a maior torcida do Nordeste é a do Flamengo, logicamente a vitória é especial pra todos, mas dedicamos a todos os flamenguistas do nordeste.

Sobre de 0 a 10 o quanto o Flamengo se aproxima do título:

“Cada jogo tem uma história. Quando se tem um espaço de tempo a intensidade é maior. Não que você queira, mas o atleta sente. O ideal é jogar sempre bem e vencer os jogos.”

Sobre as saídas de Gerson, Diego e Gabigol:

“Gérson saiu com entorse no tornozelo, tinha sentido no intervalo e tentou voltar. Depois da lesão de Diego Alves, eu só tinha mais uma parada. Ou eu fazia naquele momento ou eu perdi as duas alterações.

Sobre Pepê:

Pepê é um jogador que estava com seu contrato vencendo, gostei dele treinando e fico feliz por ele ter renovado. Fez gol contra o Palmeiras, ele e o João no meio campo, com o recuo do Arão, tem sido fundamental nesse rodízio.

Sobre as chances de gols perdidas:

“É meu modo de ver, tem gente que vê quantos gols perdeu, eu vejo quantas chances criaram.”

Sobre finalizações:

“Eles chegam em casa 4h da manhã e já tem que se apresentar. Mas quando tem um espaço maior de tempo a gente treina finalização.”

Com o resultado positivo o Mais Querido ultrapassou o Atlético-MG e reassumiu a vice-liderança com 61 pontos, ficando quatro atrás do Internacional. A próxima partida do Flamengo é na quinta-feira, contra o Vasco, às 21h, no Maracanã. A partida é válida pela trigésima quarta rodada do Brasileirão.

Fonte: Flazoeiro