“Decepção com o trabalho dele”; em dia de ‘decisão’ para o Fla, Galvão não poupa críticas ao técnico Rogério Ceni

Para o narrador e apresentador do canal SporTV, o trabalho do treinador não rendeu como o esperado no Flamengo

Reprodução/TV Globo

Flamengo encara o Grêmio em um jogo decisivo para as pretensões do Mais Querido dentro do Campeonato Brasileiro. Como a partida é atrasada, o jogo vale a aproximação do líder do torneio, Internacional, em um momento onde o Colorado não pontuará e o Mengão pode reduzir a distância para o topo.

Porém, o narrador Galvão Bueno criticou o técnico Rogério Ceni no dia do duelo em participação no programa Seleção SporTV. Galvão lembrou de elogios que fez ao treinador quando o profissional trabalhava no Fortaleza, mas relatou decepção pelo desempenho até aqui na Gávea.

“O Flamengo vive um momento conturbado. Me lembro quando entrevistamos o Rogério Ceni, ele era ainda o técnico do Fortaleza, eu cheguei a dizer que via ele como futuro técnico da Seleção Brasileira. Ele entregou menos do que eu esperava até agora no Flamengo. Tenho uma certa decepção com o trabalho dele“, lamentou Galvão.

(Foto: Reprodução)

Para o narrador, algumas decisões de Ceni não se justificam como, por exemplo, escalar o volante Willian Arão como zagueiro. “Escolhas que não concordo, justificativas que ele usa para não escalar Pedro e Gabigol juntos e alterações questionáveis. Agora ele colocou o Arão de zagueiro, que é uma decisão dele, mas não gosto”.

Galvão encerrou falando que os dois meias titulares do Flamengo precisam jogar o maior tempo possível juntos, embora a fase de Everton Ribeiro não seja boa. “Outro jogo, ele precisando do resultado, tirou Everton Ribeiro e Arrascaeta. São coisas que não dá para entender”, concluiu o narrador.

Bolavip: Lurian Schultz

DEIXE UM COMENTÁRIO