Piris da Motta e Rodinei se valorizam fora, e Flamengo mira receita para a janela do meio do ano

Desde que foram emprestados pelo Fla, Piris da Motta e Rodinei não retornam ao término de seus empréstimos. Destaques no turco Gençlerbirliğ e no Inter, respectivamente, os dois já contam com sondagens que prometem gerar lucros na janela do meio do ano. A decisão de encerrar o relacionamento é mútua. Nem o Flamengo conta com os jogadores para reintegrarem o elenco no futuro, e ambos também acreditam que o ciclo no Ninho do Urubu está encerrado.

Neste cenário, as partes têm cinco meses para avaliar a melhor opção, que também dificilmente passará pela permanência em seus clubes atuais. Piris da Motta e Rodinei têm contratos com o Flamengo até o fim de 2022, mas empréstimos em vigor até metade de 2021. Os dois têm valores estipulados para compra, mas a expectativa rubro-negra é de que a visibilidade atual faça com que a movimentação já inicia pelo mercado se confirme em propostas na janela de verão na Europa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui