Ceni se enrola e Flamengo vê final da Copa do Brasil como “triunfo” na negociação por Renato; demissão no RJ pode interferir na tratativa

Os cariocas poderiam esperar a final da Copa do Brasil para realizar uma oferta por Renato, que ainda não sabe sobre sua permanência no Grêmio

Reprodução

Renato carrega consigo a fama de conseguir recuperar jogadores que chegaram ao Grêmio em baixa. O próprio treinador costuma repetir em entrevistas que, caso o atleta queira dar a volta por cima, ele consegue ajudar. Thiago Neves, e Robinho, por exemplo, foram contratados. Jogadores mais experientes, conhecidos como medalhões, são predominantes no atual elenco, que também conta com jovens promissores: Matheus HenriquePepê e JP

Mesmo com alguns erros em contratações e fiascos em eliminações (como na goleada sofrida contra o Flamengo, em 2019), o treinador é considerado, por muitos, o maior técnico/jogador da história do clube. Renato já viveu momentos de tensão, mas sua demissão nunca foi especulada entre os dirigentes. Jorge Nicola, jornalista dos canais ESPN Brasil/Grupo Disney, informou, há algumas semanas, que o futuro do comandante pode ser longe de Porto Alegre

A reportagem do Bolavip Brasil apurou que o treinador pode ser um dos alvos do Flamengo ao término do Brasileirão. Uma ala da diretoria carioca entende que o medalhão seria a melhor escolha visando a próxima temporada. Assim, o Rubro-Negro poderia esperar a final da Copa do Brasil para realizar uma proposta concreta e, enfim, tê-lo a partir de março no comando. Landim, presidente do clube, também gosta do nome, mas ainda não tomou uma decisão.

FOTO: ANDRÉ MOURÃO / FOTO FC

Rogério Ceni vive uma enorme pressão no comando do Flamengo e pode ser desligado no final de fevereiro. Em 15 partidas, são seis vitórias, quatro empates e cinco derrotas, um aproveitamento de 48,8%. São 23 gols a favor e 19 contra, com duas eliminações, mas com o Rubro-Negro ainda vivo na briga pelo bicampeonato. A busca pela taça se tornou ainda mais difícil depois da remontada do Inter, que se isolou na liderança da tabela de classificação.

A situação de Renato, desde setembro de 2016 no comando do Grêmio, já não é a mesma de outras temporadas. Algumas declarações preocuparam os torcedores, como na vitória contra o Red Bull Bragantino, no primeiro turno do Campeonato Brasileiro“Não sei se vou estar no Grêmio, não sei se vou estar em outro clube (…) A gente tem que se programar já para o ano que vem, seja aqui ou em qualquer outro lugar”, pontuou o técnico.

Fonte: Bolavip

DEIXE UM COMENTÁRIO