Juca Kfouri: “O Flamengo é muito capaz de ganhar os oito jogos que restam”

Reprodução

O Flamengo venceu o Palmeiras na última quinta-feira (21) e, com os demais resultados da rodada, voltou a depender apenas de seus próprios resultados para ser conquistar o Campeonato Brasileiro, após ter atravessado um período de pressão e críticas ao técnico Rogério Ceni pelas duas derrotas consecutivas sofridas ao início de 2021.

No podcast Posse de Bola #93, Juca Kfouri afirma que Rogério Ceni acertou no time para o confronto com o Palmeiras ao escalar Willian Arão na defesa, conseguiu jogar melhor que o time de Abel Ferreira durante a maior parte do tempo e poderia até ter resolvido o jogo com mais facilidade fosse melhor o aproveitamento no ataque.

“Reforça a minha aposta já há algum tempo que o Flamengo será o campeão, porque tem o time melhor, e com o melhor time, em regra, campeonatos de pontos corridos acabam nas mãos desse. Me agradou bastante o jogo, os dois tempos, no primeiro em que o Flamengo foi francamente dominante e no segundo tempo, que houve um maior equilíbrio. Acho que o Rogério foi muito bem ao fazer a opção de botar o Willian Arão na zaga, correndo o risco que acabou por correr com a lesão do Rodrigo Caio”, diz Juca.

“A saída de bola do Flamengo estava impecável, com Diego e com o Gerson e se o Gabigol estivesse em um melhor momento, a vitória do Flamengo teria sido ainda mais fácil. Tomou um susto de cara, o Palmeiras jogando em bola esticada, que é muito o estilo do Abel Ferreira, mas os dois melhores times do Brasil e os dois melhores elencos do Brasil fizeram o jogo que prometiam”, completa.

Para o jornalista, a vitória diante do Palmeiras abriu a decolagem do time rubro-negro rumo ao oitavo título brasileiro, sendo o segundo consecutivo após a conquista com Jorge Jesus em 2019.

“O Flamengo embicou, eu, por todos os motivos, acredito piamente que o Flamengo tenha embicado na direção do seu octacampeonato, não tenho muita dúvida disso, não, depende apenas de si. É claro que o Inter também depende apenas dele, só que Flamengo e Inter jogam no Maracanã na penúltima rodada. Nesse aspecto, a tabela não poderia ser mais favorável para o Flamengo, porque recebe o Inter e visita o São Paulo na penúltima e na última rodadas sem público, ou seja, a situação de equilíbrio”, analisa Juca.

“O Flamengo é muito capaz de ganhar os oito jogos que lhe restam, não vou ficar surpreso se ele fizer isso porque a diferença é muito grande”, conclui.

DEIXE UM COMENTÁRIO