Abel fica irritado e tem discussão ‘acalorada’ com Marcos Braz, dirigente do Flamengo; bastidores são revelados

A pequena treta entre as partes foi revelada pelo portal "Metrópoles", que contou os bastidores entre cariocas e paulistas no Mané Garrincha

Abel Ferreira usou os últimos dois jogos do Brasileirão para saber se o time tinha ou não condição de brigar realmente pelo título do torneio nacional. Em 6 pontos disputados, o Verdão ganhou três e viu o Internacional se afastar um pouco mais na liderança. Contudo, a equipe comandada pelo português ainda tem chance de disputar o caneco, mas a prioridade passa a ser a Copa do Brasil e a Libertadores.

O jogo contra o Flamengo teve momentos de tensão fora de campo. O portal “Metrópoles” publicou uma matéria dos bastidores entre as duas equipes e relatou um pequeno bate-boca entre Abel Marcos Braz, vice-presidente de futebol do clube carioca. A discussão se iniciou porque o comandante estava reclamando da cera que o goleiro Hugo Souza estava fazendo e o cartola do Fla retrucou.

Ao site, Braz explicou o ocorrido: “Ele (Abel Ferreira) estava reclamando um pouquinho, dizendo que o goleiro estava fazendo cera e a gente lembrou que é assim mesmo, que eles também fizeram cera contra o River. Não é nada demais”, disse.

O diretor de futebol palmeirense, Anderson Barros, também teve uma divergência no Mané Garrincha por causa da barração de um membro da comunicação do Verdão. O dirigente jogou a culpa para o Flamengo: “O Flamengo impediu nosso funcionário de trabalhar. É um absurdo o que eles fizeram aqui hoje. O menino estava fazendo apenas o trabalho dele. Além desse absurdo, tinha gente demais no estádio”, relatou.

Por sua vez, o Rubro-Negro relatou que estava apenas seguindo as exigências protocolares da CBF, entidade organizadora do Campeonato Brasileiro. Assim, o clima entre paulistas e carioca se torna cada vez mais ‘quente’ dentro e fora de campo. Os dois times agora só se enfrentam na próxima temporada.

Fonte: Bolavip

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui