Em coletiva, Gabi fala sobre polêmica de “panelas”, falta de comando no elenco e melhora do Flamengo; confira!

Foto: Reprodução

Na manhã desta sexta-feira (15), Gabriel Barbosa, o Gabi, concedeu uma entrevista coletiva do Ninho do Urubu. Na ocasião, o craque falou sobre as polêmicas envolvendo o primeiro tempo do duelo contra o Ceará:
 

“Sou espontâneo, mas não houve desconforto. Eu estava no banco, óbvio que não gosto de ficar no banco, qual jogador que gosta? Mas também respeito meus companheiros, respeito quem entrou. Vi que falaram muita besteiras, que eu não estava com a camisa, contra o Fortaleza eu tava com a mesma camisa, entrei e fiz gol, falaram que nem treinei, mas nem teve treino dos reservas.”.

Além disso, o camisa 9 também achou graça quando perguntado das “panelas” e esclareceu:

“Outra coisa que eu acho que não deveria ser perguntado. [Risos]. Não existe isso. No CT tem umas 50 pessoas que trabalham aqui, ter afinidade com mais pessoas é normal, mas em 2019 não tinha panela e agora tem? É uma loucura. Do grupo que foi campeão não está 2, não tem porque ter panela, isso não existe, é realmente muito engraçado”.

Gabi ainda explicou se há falta de comando no elenco flamenguista e o que falta para melhorar o time: 
 

“A gente tem sempre pessoas que dão respaldo pra gente, como Landim, Braz e Spindel, nosso treinador que está conosco diariamente. Não falta isso, falta resultado.” (…) “Para melhorar falta vencer, simples assim”

Retirado de: Flazoeiro

DEIXE UM COMENTÁRIO