Rogério vê jogadores “mordidos” após protestos da torcida

Após uma sequência sem vitórias, e manifestação das organizadas do Flamengo, elenco e treinador conversaram por 20 minutos, debatendo o atual momento, concluindo que lamentar não fará mudar a situação do time. A nova ordem é mirar os dez jogos restantes para enfim tornar o sonho do título brasileiro enfim em algo real.

A avaliação interna é de que os jogadores rubro-negros ficaram ‘mordidos’ após as muitas críticas decorrentes da derrota para o Ceará por 2 a 0, e isso piorou com a cobrança dos torcedores, mesmo que essa tenha sido pacífica e considerada “normal” por parte do elenco e diretoria. Ovos foram atirados, os carros foram cercados e faixas expostas pelos representantes das organizadas, sendo esse ultimo o mais irritante para o elenco.

Depois de dias para lá de agitados, a expectativa é que a temperatura siga alta até o jogo diante do Goiás, segunda-feira (18), na Serrinha. Esse possivelmente é (outro) ultimato a Rogério, que é bancado sobretudo pela falta de boas opções no mercado e o óbvio endividamento do clube em meio a pandemia e perdas de receitas.

Ceni festeja o retorno de Diego Alves, que provavelmente estará pronto para jogar contra o Goiás, e aguarda assim mais um resultado positivo, já que suas vitorias foram sobre Coritiba e Botafogo, times do Z4, e o Santos reserva.

Fonte: Urubu Interativo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui