Em coletiva, Bruno Henrique fala sobre um dos fatores que ocasionou o baixo rendimento do Flamengo

Foto: Thiago Ribeiro/AGIF

Nesta sexta-feira (08), o atacante Bruno Henrique concedeu uma entrevista coletiva no Ninho do Urubu. O camisa 27 respondeu a pergunta dos jornalistas e destacou um dos fatores que ocasionou o baixo rendimento do Flamengo

Sobre como fazer diferente contra o Ceará e acreditar no título:

“Se a gente quer ser campeão temos que vencer. Não tem outro resultado além da vitória. A equipe do Ceará vai vir como o Fluminense veio. É bizarro. Mas o Fluminense batendo falta do meio de campo, sem levar perigo, virou o jogo. Quando as oportunidades aparecerem temos que fazer os gols e, assim como em 2019, estar bem compactos. Todos correndo pra frente e pra trás. Correndo junto, com a qualidade, a gente consegue fazer os gols e vencer o jogo”

Confira abaixo as falas do atacante:

Sobre o baixo rendimento da equipe:

“O fator que perdemos muito foi a torcida. A gente sempre teve o apoio, sempre nos ajudou. Toda decisão que a gente teve a torcida empurrou. Não tendo isso a gente tem dificuldade nesses jogos decisivos. A gente que tem qualidade não podemos ter medo de errar.”

Sobre o emocional da equipe está abalado:

“Abalado não, a gente fica triste quando perde. Nós temos um grupo muito experiente, que quando acontece essas coisas chateia todo mundo. A gente tem que pensar no próximo jogo, não podemos deixar nos abater. Temos jogos pela frente.”

Sobre as mudanças que teve de 2019 para os dias atuais e a cobrança:

“É normal, estamos em um time com o tamanho do Flamengo, então sempre vai existir cobrança. Nunca faltou e nunca vai faltar, independente de ganhando ou perdendo. Em virtude de 2019, nada mudou, tem até mais cobrança.”

Sobre a fala do Arrascaeta no último jogo:

“A gente fica triste, todos estão. Todos estamos envergonhados. Mas, tudo que a gente fez, não podemos desanimar. Temos que acreditar. Independente de perder o clássico. A gente vai continuar lutando. Enquanto tiver pontos pra disputar, a gente vai disputar.”

Fonte: Flazoeiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui