Com uma derrota em jogos que fez gol pelo Flamengo, Gabigol projeta 2021: ‘Que eu possa seguir marcando’

Com os 63 gols marcados em 2019 e 2020, Gabriel Barbosa encerrou a década como o maior artilheiro do clube entre os anos de 2011 e 2020

O atacante Gabriel Barbosa, em dois anos, cravou seu nome na história do Flamengo com títulos, vitórias e, claro, muitos gols. São 63 bolas nas redes adversárias desde que chegou ao clube, em janeiro de 2019, o que o coloca como o maior artilheiro do Rubro-Negro entre os anos de 2011 e 2020. Para 2021, que se inicia nesta quarta em clássico com o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro, a projeção do camisa 9 é só uma: marcar mais gols.

– Fico feliz em poder ajudar com meus gols, com a equipe vencendo é melhor ainda. Que eu possa seguir marcando. Temos um clássico logo no início do ano e é importante vencer para seguir brigando pela liderança do campeonato. Estou motivado para esse ano que se inicia – afirmou o atacante rubro-negro.

O desempenho de Gabriel Barbosa foi acompanhado pelo bom futebol do Flamengo, que alcançou os títulos do Brasileirão, Libertadores, Recopa Sul-Americana, Supercopa do Brasil e Campeonato Carioca (2x) em 2019 e 2020.

Neste período, Gabigol soma 90 partidas com a camisa do Flamengo. Destas, o camisa 9 balançou as redes adversárias 63 vezes em 50 jogos. Neste cenário, o aproveitamento do Rubro-Negro é excelente: quando Gabriel Barbosa marcou, o time da Gávea soma 40 vitórias, nove empates e apenas uma derrota. Foi contra o São Paulo, por 2 a 1 no Estádio do Maracanã, na atual Copa do Brasil.

Após cumprir suspensão no ultimo jogo de 2020, quando o Flamengo empatou sem gols com o Fortaleza, no Castelão, o atacante Gabriel Barbosa voltará ao time titular de Rogério Ceni nesta quarta-feira. O Rubro-Negro, pela 27ª rodada do Brasileirão, tem o clássico com o Fluminense no Maracanã, às 21h30.

Fonte: LANCE!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui