Após exames, Diego Alves tem lesão e não tem previsão para voltar ao gol do Flamengo

Goleiro tem problema muscular na coxa direita e inicia tratamento de olho no Fla-Flu do dia 6 de janeiro. Caso seja vetado, Hugo segue como titular

Notícia ruim para fechar o ano do Flamengo. O exame realizado por Diego Alves nesta segunda-feira identificou uma lesão muscular na parte posterior da coxa direita, que coloca em risco a participação no Fla-Flu do próximo dia 6 de janeiro, no Maracanã. O goleiro deu início ao tratamento intensivo no Ninho do Urubu e caso seja vetado Hugo permanecerá no gol rubro-negro.

Diego sentiu o problema no treinamento de sexta-feira e foi vetado da viagem para o Ceará, onde o Flamengo empatou com o Fortaleza, sábado, pela 27ª rodada do Brasileirão. Em um primeiro instante, a avaliação do departamento médico foi de que não seria nada sério, tanto que o goleiro não foi encaminhado para exames.

Na manhã desta segunda-feira, porém, Diego Alves seguiu reclamando de desconforto no local e seguiu para o detalhamento que apontou a lesão. Este é o quarto problema médico do jogador no segundo semestre. Antes, uma lesão no ombro, a infecção por Covid-19 e uma torção no joelho o deixaram fora de 16 partidas.

Com 49 pontos, o Flamengo é o terceiro colocado no Brasileirão, atrás do Atlético-MG, com a mesma pontuação, uma vitória e um jogo a mais, e do líder São Paulo, que tem 56 e um jogo a mais. O clássico com o Fluminense está marcado para o dia 6 de janeiro, às 21h30 (de Brasília), no Maracanã.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui