Jorge Jesus compara insucesso no Benfica à eliminação no Flamengo: “Não foi fácil”

Na última quarta-feira (23), o Porto venceu o Benfica de Jorge Jesus por 2 a 0, no Estádio Municipal de Aveiro, e conquistou a Supercopa de Portugal de 2020. Com o revés sofrido, o Mister comparou a eliminação de seu atual clube com o começo de sua trajetória no Flamengo. O português lembrou que sua chegada ao Mais Querido em 2019 também foi com algumas dificuldades no início. 

— Não tem sido difícil. O meu começo no futebol brasileiro também não foi fácil, também perdi a primeira decisão no Flamengo. Só que eu tinha três semanas de trabalho, aqui tenho cinco meses. Estamos trabalhando em cima das nossas convicções, na melhor qualidade individual da equipe para ter uma equipe mais forte coletivamente e conhecendo cada vez melhor os momentos do jogo -, disse.

No Flamengo, em 2019, Jesus acabou eliminado pelo Athletico Paranaense nas quartas de final da Copa do Brasil. À época, a decisão foi para os pênaltis e o Rubro-Negro carioca acabou superado. Depois, todavia, o português colocou a equipe nos eixos e foi responsável pela era mais vencedora desta década.

Mister encerrou sua passagem no Fla com mais títulos do que derrotas. Com Jorge Jesus no comando, o Flamengo conquistou o Campeonato Brasileiro e a Libertadores da América, ambos em 2019, Supercopa do Brasil, Recopa Sul-Americana e o Carioca, estes em 2020.

Fonte: Coluna do Fla

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui