Bruno Henrique se adapta a companheiros, cresce em reta final e faz aproveitamento do Flamengo subir

O Flamengo investiu forte no elenco, e o setor mais beneficiado foi o ataque. A gestão de Rodolfo Landim gastou mais de R$ 200 milhões para ter o melhor trio de ataque do Brasil: Bruno Henrique, Gabigol e Pedro. O alto investimento faz com que o Rubro-Negro obtenha retorno dentro das quatro linhas. O sucesso de 2019 vem sendo reeditado em 2020, desta vez, com uma dupla diferente.

Apesar do questionamento rotineiro de ‘Gabigol ou Pedro’, a peça chave no ataque do Flamengo é Bruno Henrique. Isso porque, não importa qual atacante atue ao lado do camisa 27, as melhores estatísticas do setor ofensivo envolvem Bruno Henrique. Se em 2019, o companheiro ideal era o camisa 9, em 2020, a dupla ideal é com o camisa 21, e juntos acumulam 75% de aproveitamento.

Até o momento no Campeonato Brasileiro, o Flamengo utilizou oito duplas de ataque diferentes e sete atacantes entraram em campo com o Manto Sagrado. O Rubro-Negro possui o melhor setor ofensivo da competição nacional, com 46 gols. O destaque, novamente, é Bruno Henrique que participou de 18 jogos: 11 vitórias, três empates e quatro derrotas.

A dupla mágica da temporada de 2019 ainda coleciona bons números em 2020. Pelo Brasileirão, Bruno Henrique e Gabigol acumulam 55,5% de aproveitamento: nove jogos (4v – 3e – 2d). Enquanto isso, o camisa 27 ao lado de Pedro formam a dupla mais decisiva do Rubro-Negro, são 24 participações de gols e 75% de aproveitamento nas oito partidas disputadas: seis vitórias e duas derrotas.

Com a expulsão de Gabigol, Rogério Ceni vai escalar a dupla rubro-negra mais efetiva contra o Fortaleza. Bruno Henrique e Pedro entram em campo com a missão de garantir a vitória ao Flamengo, e deixar o clube carioca ainda mais vivo na disputa pelo título do Brasileirão. O confronto está marcado para sábado  (26), às 19h (horário de Brasília), na Arena Castelão.

DUPLAS NO BRASILEIRÃO:

– Bruno Henrique e Gabigol:
9 jogos, 4 vitórias, 3 empates e 2 derrotas
Aproveitamento: 55,5%

– Bruno Henrique e Pedro:
8 jogos, 6 vitórias e 2 derrotas
Aproveitamento: 75%
24 participações de gol: 17 gols e 7 assistências

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui