Gabigol tem média superior a 20 gols em todas as temporadas que jogou o Brasil

Gabriel Barbosa é um dos principais nomes do futebol brasileiro. Revelado pelo Santos em 2013, o jogador adquiriu protagonismo e se tornou referência entre os atacantes do país. O atleta atuou pelo clube paulista e, desde 2019, defende o Flamengo. Gabigol, como é carinhosamente conhecido desde as categorias de base, possui média superior a 20 gols em todas as temporadas que disputou no Brasil.

Pelo Santos, Gabriel disputou apenas três temporadas completas. Em 2014 e 2015, o jogador marcou 21 gols e, no ano de 2018, foram 27 bolas na rede. Com o Manto Sagrado, os números ainda mais expressivos. Em 2019, o camisa 9 balançou as redes 43 vezes. Na temporada de 2020, o atacante já chegou aos 20 gols e ainda restam 14 partidas para o fim do calendário. Com uma média superior a 20 gols por ano, Gabigol se tornou referência no futebol brasileiro.

Vale ressaltar que os anos de 2013 e 2016, Gabigol não disputou a temporada completa do futebol brasileiro. Isso porque, em 2013, subiu para o profissional no fim do ano e participou de apenas 13 jogos, somando dois gols. E, em 2016, deixou o Brasil rumo à Inter de Milão, na Itália, após participar de 29 partidas do Santos e converter 12 tentos. Na Europa, por sua vez, o atleta não obteve muito destaque, e marcou somente uma vez nos 15 compromissos.

NÚMEROS DE GABIGOL NO FUTEBOL BRASILEIRO:

2020: 20 gols – 30 jogos
2019: 43 gols – 59 jogos
2018: 27 gols – 52 jogos
(2016-2017 – futebol europeu)
2016: 12 gols – 29 jogos*
2015: 21 gols – 56 jogos
2014: 21 gols – 56 jogos
2013: 2 gols – 13 jogos*

*temporada incompleta

A última vez que Gabigol balançou a rede foi justamente conta o Santos, clube que o revelou. Na partida em que o Flamengo venceu por 4 a 1, o atacante marcou duas vezes de pênalti. Com isso, o camisa 9 chegou aos 20 gols no ano, e igualou o companheiro Pedro na artilharia do time rubro-negro. Visando manter a média de gols, Gabriel se prepara para encarar o Bahia, no próximo domingo (20), às 18h15 (horário de Brasília), no Maracanã.