Bruno Henrique sai do script e esquenta climão de Fla e Diego Alves

Atacante expôs vontade do plantel rubro-negro em torno da permanência de um dos líderes do Rubro-Negro para 2021 e colocou mais pressão em Marcos Braz e Rodolfo Landim

“O recado está dado”. Foi assim que milhares de rubro-negros se manifestaram nas redes sociais assim que Gabigol, ao marcar o segundo gol do Flamengo na vitória por 4 a 1 diante do Santos, cruzou o gramado do Maracanã para comemorar com Diego Alves. O presidente Rodolfo Landim e o vice de futebol Marcos Braz estavam nas arquibancadas e foram o centro das atenções, já que a renovação do goleiro está emperrada. 

Nas alamedas da Gávea, já há um pessimismo para a permanência de Diego Alves, já que o Flamengo se recusa a aumentar a pedida salarial para o próximo ano. O camisa 1, inclusive, foi capitão escolhido por Rogério Ceni para o duelo diante do Peixe. 

Após a partida, o atacante Bruno Henrique deixou claro que, apesar de o assunto ser entre atleta e direção, é a favor da permanência de Diego, assim como todo o elenco. 

FOTO: ALEXANDRE VIDAL

“Todos sabem da importância dele dentro do grupo. É um líder dentro e fora de campo. A permanência é com ele e a diretoria, mas a gente quer que ele fique. Precisam sentar e conversar para ver o que é melhor para os dois, mas é um ídolo, um cara muito experiente dentro de campo”, opinou o craque da partida contra seu ex-clube. 

Baixe o app do Flamengo Info e fique por dentro das principais notícias do Flamengo. Acesse!

Se fora de campo Flamengo e Diego Alves ainda têm muito o que conversar, nas quatro linhas o Rubro-Negro diminuiu a diferença para o líder São Paulo na tabela do Campeonato Brasileiro. Com a vitória, o time de Ceni chegou a 45 pontos, cinco atrás dos paulistas, que estão enfrentando o Corinthians no clássico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui