Após classificação sobre o Fla, goleiro sub-17 do Athletico homenageia amigo vítima do incêndio no Ninho

Nesta segunda-feira (07), o Flamengo perdeu por 2 a 0 para o Athletico Paranaense, no CT do Caju, em Curitiba, e acabou eliminado do Brasileirão sub-17. No confronto, uma ação de Mycael, goleiro da equipe rival, chamou a atenção. Ele prestou homenagem a Bernardo Pisetta, goleiro do Rubro-Negro que morreu na tragédia no CT Ninho do Urubu, em fevereiro de 2019.

Ambos atuaram juntos, há dois anos atrás, pelo Athletico, na categoria sub-15. Enquanto Mycael seguiu na equipe paranaense, Bernardo, que morava desde 2017 em Curitiba, foi para o Rio de Janeiro, jogar no Flamengo, seu clube do coração, a partir de agosto de 2018.

Após a classificação do Athletico se confirmar, Mycael, na comemoração, mostrou uma camisa com a foto do amigo. Bernardo, natural de Indaial (Santa Catarina), tinha 14 anos e esteve entre os dez Garotos do Ninho que morreram no incêndio.

Depois do empate no jogo de ida, em 0 a 0, o Athletico bateu o Mais Querido com gols de Juninho e Vitor do Carmo, ambos no segundo tempo. O adversário do clube paranaense na final será o Fluminense, que passou pelo São Paulos nos pênaltis, também nesta segunda (07).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui