Ramon e mais três: jovens perdem espaço com Ceni

O comandante tem o jogo mais importante desde que chegou ao Rubro-Negro e a expectativa é que o Mengão consiga passar pelo Racing, hoje, no Maraca

O Flamengo vive o momento mais decisivo na temporada. A decisão contra o Racing também é importante demais fora de campo: a política no clube está fervendo e mudanças drásticas podem acontecer em caso de eliminação. Por outro lado, a confiança para garantir vaga nas quartas de final da Libertadores é muito grande e todos estão focados para concluir o objetivo.

Rogério Ceni está ainda mais otimista por ter conseguido uma semana de treinamentos e espera que o time corresponda contra os argentinos. A expectativa é que o sistema defensivo não sofra tanto como foi na primeira partida; Rodrigo Caio finalmente está de volta e deve começar jogando ao lado de Léo Pereira. Isla também treinou normalmente e reforça o lado direito.

A única ressalva da torcida é quanto o aproveitamento dos jovens da base. Natan estava em um grande momento, mas virou reserva no Fla. Para piorar a situação do jogador, ele acabou expulso mesmo sem entrar em campo na Argentina e desfalca o Fla nesta terça-feira (01). Ramon João Lucas perderam ainda mais espaço e se quer foram relacionados para o confronto. O curioso é que o segundo empolgou o treinador quando ele chegou ao Ninho, mas inexplicavelmente a situação parece ter mudado. 

Na visão de boa parte da torcida, a maioria dessas joias poderiam jogar mais e ajudar o time flamenguista dentro de campo. Ramon foi um “achado” de Domènec Torrent e deu conta do recado sempre quando acionado. Outro que também foi para o final da fila é Noga, que até foi relacionado, mas está atrás de Gustavo Henrique na disputa por opção na zaga.

Por enquanto, a diretoria do Flamengo não fez nenhum tipo de exigência e deixa todas as decisões no futebol nas mãos de Ceni. Neste primeiro momento, Rogério tem optado mais pela experiência, mas sempre ressalta a qualidade desses jovens atletas. Na web, vários flamenguistas questionam o comandante pelas decisões, mas ainda confiam no trabalho à frente do Fla.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui