Ceni esboça escalação do Fla com surpresas e otimismo toma conta para Rodrigo Caio ser novamente relacionado

O jogo contra o Racing é encarado como uma decisão e o futuro do Mengão fora de campo também está em jogo; após ser eliminado na Copa do Brasil, o clube precisa ir longe nas outras competições

A torcida do Flamengo só pensa no jogo contra o Racing, nesta terça-feira (01), no Maracanã. É o confronto mais importante do clube na temporada e, por isso, o clima é bastante apreensivo para saber se o time Rubro-Negro finalmente irá engrenar no ano e atingir o desempenho próximo de 2019, quando os jogadores estavam em um nível muito maior que ao adversário.

Os dias no Ninho do Urubu têm sido intensos e Ceni busca corrigir alguns erros do time para não sofrer tanto como foi na Argentina. Como o portal “Gávea News” informou, no último treinamento, Rogério testou Noga ao lado de Léo Pereira e Lincoln em algum momento também foi colocado no ataque, mas vale lembrar que não foi um coletivo e, sim, alterações feitas apenas para observar o preparo desses atletas.

Rodrigo Caio treinou normalmente e, se nada mudar no treino desta segunda-feira (30), deve ser relacionado para a partida. Ele irá realizar uma nova avaliação, caso ocorra tudo bem, pode até começar jogando. Gabigol ainda preocupa o departamento médico e ainda não existe uma certeza quanto o aproveitamento do camisa 9 contra o Racing.

Por outro lado, Pedro se sente confortável, não apresentou nenhuma dificuldade para trabalhar junto com os outros companheiros. Assim, o artilheiro também irá passar por novas avaliações no CT para se confirmado. Caso esteja tudo bem com o goleador, ele deverá substituir Gabriel na partida. Isla não preocupa, apesar de não ter jogado o primeiro confronto, e será titular se não sentir mais dores.

Com isso, colocamos aqui um provável time do Flamengo para amanhã com: Diego Alves, Isla, Rodrigo Caio (Gustavo Henrique ou Noga), Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Pedro (Lincoln/caso Gabigol não consiga atuar).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui