Fla deixa de ganhar R$ 8 milhões e decide negociar defensor; lateral não empolgou Rogério Ceni

A diretoria do Mais Querido segue trabalhando nos bastidores para resolver o futuro de alguns atletas que não serão aproveitados pela nova comissão técnica

Sem jogar neste final de semana, o Flamengo teve uma semana importante de trabalho. Rogério Ceni está convicto que fará sucesso no Mais Querido do Brasil e trabalha diariamente para corrigir os erros da equipe, aprimorar a forma física dos jogadores e colocar o Mengão novamente nos trilhos na temporada. A principal meta é marcar história no clube sendo campeão de uma grande competição.

O próximo compromisso do Rubro-Negro será contra o Racing, pelo segundo jogo das oitavas de final da Libertadores. Basta um empate sem gols para o time garantir vaga na próxima fase, mas para isso acontecer, o sistema defensivo precisa ter uma outra postura. Zagueiros ainda estão batendo cabeça e precisam de mais confiança para vestir o ‘Manto Sagrado’.

Fora de campo, a diretoria flamenguista já analisa o futuro de alguns jogadores. Por força contratual, Klebinho retorna agora em dezembro, mas não será aproveitado pelo Flamengo. O jogador foi avaliado internamente com Rogério tendo voz ativa e as partes chegaram em um consenso: a melhor alternativa é liberar o atleta novamente para algum clube.

O lateral-direito está terminando seu ciclo no Tokyo Verdy, mas a direção do time japonês já avisou ao Fla que não irá exercer a opção de compra. Assim, o Mengo deixa de embolsar 1,5 milhão de dólares (R$ 8 milhões na cotação atual). Na posição, o Mengão já conta com Isla (titular), Matheuzinho e João Lucas. Até por isso, o atleta não terá espaço neste momento.

Divulgação/Tokyo Verdy

Alguns clubes já procuraram interessados em contratar e propostas estão na mesa. Os dirigentes do Flamengo não irão dificultar em nada a saída do lateral e esperam que os representantes do jovem tomem a melhor decisão para a carreira do defensor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui