Flamengo vacila em casa, empata com o Atlético-GO e fica mais longe da liderança

Flamengo e São Paulo entraram em campo na noite desta quarta-feira (11), em partida válida pelas quartas de final da Copa do Brasil. O jogo foi disputado no Maracanã, às 21h30 (horário de Brasília), e o Mais Querido buscava a vitória na estreia de Rogério Ceni, seu novo treinador.

Com a ausência de alguns atletas importantes, o Flamengo entrou em campo com Hugo Souza, Matheuzinho, Léo Pereira, Gustavo Henrique e Renê; Arão, Thiago Maia, Gerson e Vitinho; Bruno Henrique e Gabigol.

O Flamengo começou melhor nos primeiros minutos, comandando as ações e pressionando a saída e bola do adversário, mas não conseguiu demonstrar sua superioridade nos 45 minutos iniciais. Apesar de não apresentar boa atuação, o Rubro-Negro se empenhou para abrir o marcador e, com gol de Bruno Henrique, encerrou a primeira etapa com vantagem. No início da segunda etapa, o Flamengo voltou melhor e ligado no 220v, mas viu o rival empatar, diminuiu o ritmo e não conseguiu buscar a reação, perdendo mais uma chance de alcançar o topo da tabela.

O JOGO:

O Flamengo começou pressionando a saída de bola do Atlético-GO, comandando as ações e ditando o ritmo da partida. Na marcação pressão, o Rubro-Negro era melhor nos primeiros vinte minutos e, aos 22, teve uma excelente chance com Thiago Maia. Vitinho comandou a jogada e Renê encontrou Thiago que mandou uma BOMBA rumo à meta de Jean, mas a bola explodiu o travessão.

Apesar de registrar maior posse e bola, o Mais Querido não conseguia ser tão efetivo, e via o adversário começar a gostar no jogo. Muito bem armado, o Atlético-GO dificultava a saída de bola do Mengo, que sofreu alguns sustos na defesa.

Aos 35 minutos, o Flamengo voltou a intensificar as jogadas e teve boa chance com Bruno Henrique, que finalizou bem, mas parou na defesa de Jean. Pouco depois, Gustavo Henrique, que não vinha muito bem no duelo, recebeu o terceiro cartão amarelo e, pendurado, desfalca o Rubro-Negro na partida contra o Coritiba, pela 22ª rodada do Brasileirão.

Na tentativa de abrir o marcador, o Mengão, que não apresentava um bom primeiro tempo, conseguiu criar uma perigosa jogada com Bruno Henrique que, aos 44, balançou as redes do Atlético-GO. Depois de receber um passe maravilhoso de Thiago Maia, o atacante saiu em velocidade e marcou para o Mengo. Fla 1×0.

Para a segunda etapa, o Flamengo voltou com alterações no time e, também, na postura. Rogério Ceni tirou Gustavo Henrique, pendurado, para a entrada de Natan, o cria da base, e o Mais Querido entrou nos gramados ligado no 220v.

On fire, o Rubro-Negro era outra equipe e começava, aos poucos, a conseguir fazer valer toda a sua superioridade. Após duas boas chances de ampliar o marcador, com Gerson e Vitinho, Gabigol venceu os adversários e balançou as redes de Jean, mas estava em posição de impedimento. Fla 1×0.

Superior nos primeiros dez minutos do segundo tempo, o Flamengo voltou a encontrar dificuldades e viu o Atlético-GO buscar o empate. Aos 13, Chico ganhou de Léo Pereira, driblou Natan e encontrou Zé Roberto, que diminuiu a vantagem do Mais Querido. Fla 1 x 1 Atlético,

Aos 15, Thiago Maia, com muitas dores, precisou ser substituído e deu lugar a Michael. Buscando virar a partida, o Flamengo tee boa oportunidade aos 25 minutos, com Vitinho. O atacante dominou na ponta esquerda, tirou de dois, e mandou uma bomba, que raspou o travessão.

Com o pé no freio, o Mais Querido caiu de rendimento e não conseguiu administrar o domínio dos primeiros minutos. Tentando buscar o resultado, aos 29 minutos Rogério Ceni fez mais uma alteração: tirou Léo Pereira para a entrada de Arrascaeta, e Willian Arão assumiu a zaga do Rubro-Negro.

Visando a vitória, aos 36, nova mudança no Mais Querido: saída de Gabigol para a entrada de Lincoln. Apesar das mudanças, o Flamego não demonstrava poder de reação e deixava escapar mais uma oportunidade de encostar na liderança do Brasileirão. Sem mais surpresas, fim de papo no Maracanã. Flamengo 1×1 Atlético-GO.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui