“Chegaram propostas boas”; membro do estafe de Diego Alves se irrita e indica destino do ídolo flamenguista

O paredão voltou ao Rubro-Negro após lesão e ficou no banco de reservas na Copa do Brasil; renovação já acertada entre as partes teve um empecilho de última hora no departamento financeiro do clube, mas o negócio segue

O Flamengo venceu mais uma na temporada, agora contra o Athletico-PR e encaminhou a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil. O jogo de volta acontecerá na próxima semana e a tendência é que o Mengão consiga mais uma vez ganhar dos paranaenses, dentro de casa, e siga embalado buscando todos os títulos possíveis na temporada.

Mais uma vez, Hugo Souza fez uma partidaça e foi considerado o melhor em campo. O goleiro pegou até pensamento e ainda teve um pênalti defendido no chute do atacante Walter. O curioso é que nessa partida Diego Alves estava no banco de reserva, voltando após um tempo afastado devido a uma contusão e a tendência é que fosse titular, mas acabou sendo opção.

Rafael Cotta, membro da agência que trabalha com o setor de marketing e imagem do paredão, decidiu explicar a situação do jogador e “Diário O Lance!” publicou as declarações do representante. Segundo ele, o acerto já havia acontecido entre Fla e Diego, com todos os trâmites acordados e o anúncio só não ocorreu devido a um empasse no departamento financeiro do clube.

A questão já havia sido resolvida, não havia motivo aparente para retomar a discussão. Os valores tinham sido acordados e isso frustrou muito as partes. O Diego Alves foi relacionado para o jogo (contra o Athletico, nesta quarta-feira), mesmo sem saber se vai renovar ou não, porque está disposto a ajudar. Chegaram propostas boas para ele sair, o próprio Flamengo pediu para que ele ignorasse, e o próprio Diego Alves falou para o estafe que não quis ouvir (propostas que não fossem do Flamengo) e que quer ficar no Flamengo”, explicou.

Cotta também desabafou e disse que querem colocar o goleiro como o vilão da história e ressaltou que o ídolo flamenguista está sendo injustiçado. Essa outra fala do membro do estafe do arqueiro deu a entender que são direcionadas as críticas sofridas pelo atleta nas redes sociais.

Estão jogando o cara (Diego Alves) contra a torcida, como fizeram no caso do Dorival Júnior. As partes devem chegar a um acordo, mas não julguem o Diego Alves como se fosse vilão. Aliás, não é história de vilão ou herói. É uma renovação. Basta esperar e torcer para que tudo corra com o melhor para o Flamengo e para o Diego Alves. Ele está sendo injustiçado. Quer julgar, julga, mas com as informações corretas. Havia uma contraproposta feita pelo Flamengo que foi aceita pelo Diego Alves”, completou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui