“Jogando por música”; Sheik aponta principal responsável por sucesso do Flamengo

Com duas passagens pelo clube carioca, ex-jogador falou sobre o atual momento do Mais Querido do Brasil e trouxe alguns detalhes de bastidores

Emerson Sheik ficou conhecido no Brasil em 2009, quando teve rápida e marcante passagem pelo Flamengo. Ao lado de Adriano, o ex-atacante foi um dos principais jogadores do time na reta inicial do Campeonato Brasileiro. No entanto, após receber uma proposta milionária para retornar ao exterior, o polêmico artilheiro acabou optando por deixar o Mais Querido do Brasil.

Em 2015 e mais experiente, Sheik retornou ao Rubro-Negro. A segunda passagem não foi tão brilhante e a dupla de ataque com Guerrero foi muito frustrante, principalmente para o torcedor, que esperava muito dos medalhões. Apesar de ter atuado em vários outros times brasileiros, inclusive rivais do Rio, como Fluminense e Botafogo, ele nunca escondeu o carinho pelo Fla.

LEIA TAMBÉM: Pedro, Everton Ribeiro e Vitinho mostram entrosamento dentro e fora de campo

Durante o novo programa “Arena SBT”, que teve sua estreia iniciada na última segunda-feira (26), Emerson falou sobre o Mengão e atribuiu o sucesso ao vice-presidente de futebol flamenguista, Marcos Braz. Na declaração, o ex-jogador demonstrou intimidade com o dirigente com quem trabalhou na Gávea em 2009 e rasgou elogios ao time Rubro-Negro.

Forte candidato (ao título Brasileiro), jogando por música. Do goleiro ao ponta esquerda. E o Marquinhos (Braz) é sensacional. Quando ele procura o atleta, o jogador sabe que vai dar certo. (Sobre o jogo contra o Inter) Achei que foi pênaltis nos dois lances. Flamengo foi prejudicado”, disse.

Dentro de campo, o Flamengo se prepara para o confronto diante do Athletico-PR, pela Copa do Brasil. A delegação não voltou ao Rio de Janeiro depois do duelo contra o Inter e segue no sul do país. A intenção é não desgastar mais os jogadores que estão no elenco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui