Renê doa camisa do Flamengo para ajudar ex-clube a terminar o Piauiense

Com passagem pelo Picos, clube de sua cidade natal, lateral é 'reforço' para aliviar crise financeira

Desde 2017 no Flamengo, Renê não esquece suas raízes. Reserva imediato de Filipe Luís, o lateral-esquerdo se solidarizou com a delicada situação financeira do Picos-PI, clube pelo qual iniciou a carreira em 2011, e doou uma camisa autografada por todo o elenco rubro-negro para um sorteio.

O dinheiro arrecadado na rifa, que custa R$ 30, ajudará no processo de montagem do time e no pagamento de despesas da volta das atividades. Paralisado desde março, por conta da pandemia do novo coronavírus, o Campeonato Piauiense está marcado para recomeçar no dia 11 de novembro. Os jogadores voltaram a treinar após a confirmação da data e anunciou Adelmo Soares como técnico. 

LEIA TAMBÉM: Narrador diz que Pedro, atacante do Flamengo, é melhor que Lewandowski

Pelas redes sociais, o Picos contou o reforço de uma de suas revelações mais ilustres para sensibilizar outros torcedores num momento de crise financeira. Na tabela, a situação é um pouco melhor. Vice-líder, com 20 pontos, um a menos que o Altos, o Picos está na zona de classificação à final do Estadual. Os dois primeiros garantem vaga na decisão do dia 16 de dezembro.

“Passando para convidar vocês participarem do sorteio dessa camisa do Flamengo, autografada com todos os jogadores, em prol da Sociedade Esportiva de Picos. Está passando por momento difícil, a diretoria está sem apoio, está precisando de recursos para terminar o Campeonato Piauiense, conto com ajuda de todos vocês para ajudar nesse momento difícil”, disse Renê.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui