Boato sobre retorno de Pablo Marí ao Fla por empréstimo ganha força na web e Arsenal indica possibilidade de negócio

O espanhol deixou muita saudade aos torcedores do Mais Querido do Brasil, que sonham com sua volta ao clube; zagueiro está machucado

Pablo Marí ao Flamengo
Pablo Mari no Arsenal - Foto: Divulgação

BOLAVIP: Pablo Marí ficou pouco tempo no Flamengo, mas o suficiente para se tornar um grande ídolo recente da história do clube. O espanhol caiu como uma luva no time Rubro-Negro e foi um dos principais jogadores na campanha da Copa Libertadores da América e do Campeonato Brasileiro. O defensor se valorizou tanto que chamou atenção do Arsenal e foi vendido no começo deste ano. 

Infelizmente para sua carreira, ele acabou tendo uma grave lesão logo após chegar na Inglaterra e ficou o final da temporada passada no departamento médico. Na última terça-feira (07), surgiram diversas especulações na web dando conta que o atleta poderia retornar ao Mais Querido do Brasil para se recuperar no CT Ninho do Urubu e o Fla conseguiria fechar um empréstimo junto ao time de Londres. 

O jornalista Jorge Nicola noticiou nesta quarta-feira (07), que conversou com um brasileiro funcionário o Arsenal e este descartou a possibilidade dos Gunners emprestarem o zagueiro. Assim, ser repatriado pelo Flamengo, pelo menos neste momento, é praticamente impossível. O treinador Arteta conta com ele e pretende aproveitá-lo quando o jogador estiver disponível. 

Ainda segundo Nicola, Pablo Marí deve voltar a está disponível no final deste mês. Com isso, o sonho dos torcedores flamenguistas não deve se concretizar. A Nação ainda não tem confiança em Léo Pereira e Gustavo Henrique; ambos chegaram com status por tudo que fizeram no Athletico-PR e Santos, mas não empolgaram e podem acabar perdendo espaço para o jovem Natan

Foto: Getty Images

O garoto do Ninho do Urubu fez ótimas partidas e muitos já consideram o substituto ideal do espanhol. Domènec analisa a situação do atleta e vem conversando com os outros integrantes da comissão técnica antes de bater o martelo.