Braz projeta pagar R$ 15 milhões para anunciar novo lateral-direito

Apesar de ter anunciado Isla como substituto imediato de Rafinha, um novo lateral-direito segue na pauta do Flamengo

BOLAVIP: Após uma temporada histórica em 2019, que culminou nos títulos da Libertadores e Campeonato Brasileiro, os dirigentes rubro-negros não perderam tempo e agiram rápido no mercado para trazer ainda mais reforços ao Flamengo. No primeiro semestre de 2020, foram três títulos conquistados: Recopa Sul-Americana, Supercopa do Brasil e Campeonato Carioca.

Atletas de peso desembarcaram na Gávea no início desta temporada. Pedro, Thiago Maia, Michael, Pedro Rocha, Gustavo Henrique, Léo Pereira e Isla chamaram atenção e foram contratados pelo Flamengo. Apesar das chegadas, saídas de peso também entraram na pauta, como Rafinha. Os diretores seguem em alerta para observar possíveis nomes no mercado. Contratar mais jogadores não é algo descartado pela diretoria.

Apesar de ter anunciado Isla como substituto imediato de Rafinha, um novo lateral-direito segue na pauta do Flamengo. Alguns jogadores da base se destacaram na posição, porém, Braz ainda estuda buscar mais informações sobre nomes sondados no primeiro semestre. Uma brecha no orçamento seria ideal para realizar contratações. Os representantes estudam pagar pouco mais de R$ 15 milhões na contratação de um novo LD. 

Montiel, do River Plate, foi um dos nomes estudados antes de Isla. Fabrício Bustos, defensor do Independiente, também entrou na pauta dos dirigentes rubro-negros. Braz estaria de olho nas movimentações da janela de transferências para enfim estudar novas investidas no mercado. Vale lembrar que buscar novos nomes não é algo descartado pelo Flamengo, mas esses dois foram acompanhados mais de perto no primeiro semestre. 

Os argentinos pretendiam receber 5 milhões de dólares (aproximadamente R$ 26 milhões de reais) por 80% dos direitos de Bustos. João Lucas e Matheuzinho são algumas das opções do Mais Querido na LD. Este primeiro teve pouca oportunidade com Jorge Jesus, mas ganhou minutos com Domènec Torrent. Já Matheuzinho, apesar de ser promessa da base, é considerado pouco experiente para ser reserva imediato.