Bruno Henrique volta ao papel de protagonista após vencer ‘barreiras’

Camisa 27 do Flamengo sofreu lesão no joelho e foi diagnosticado com Covid-19 em setembro, mas, na ausência de Gabriel Barbosa, retorna ao status de homem-gol

Para enfrentar o Athletico, neste domingo no Maracanã, o Flamengo voltará a contar com a presença de Bruno Henrique entre os titulares. Recuperado de uma lesão no joelho direito e da Covid-19 em setembro – “barreiras”, como o próprio classificou -, o camisa 27 tem tudo para reassumir o protagonismo no ataque do Fla ao lado de Pedro, uma vez que Gabigol está afastado com lesão.

– Enfrentei barreiras após a lesão no joelho. Voltei e peguei o vírus. Fica triste, é um momento que estamos vivendo no Brasil, expostos a todo momento. Cumprimos o protocolo junto com o Flamengo, que deu todo suporte a nós – comentou o atacante após marcar dois gols contra o Independiente Del Valle, na última quarta-feira, em partida que entrou aos 45 minutos da etapa inicial.

A última aparição de Bruno Henrique entre os titulares foi em 30 de agosto, contra o Santos. O atacante foi substituído no segundo tempo e, ao realizar exames no dia seguinte, foi constatado um edema ósseo no joelho direito. Bruno Henrique chegou a entrar em campo na goleada por 5 a 0 para o Del Valle em Quito, no último dia 17, mas logo depois foi infectado com Covid-19.

Duas semanas depois, Bruno ajudou o Flamengo a “dar o troco” nos equatorianos, substituindo Gabigol e marcando dois gols na vitória por 4 a 0 que garantiu o Rubro-Negro nas oitavas de final da Copa Libertadores. Agora, o atacante assume a responsabilidade de ajudar a equipe a subir na classificação.

Vindo de uma derrota e um empate nas últimas rodadas, o Flamengo viu a distância para o líder Atlético-MG aumentar para seis pontos. Enquanto o Rubro-Negro recebe o Athletico, no Maracanã, o Galo encara no Vasco em BH.