Isla classifica goleada como “uma vergonha” e diz que parte física pesou para o Flamengo

Em péssima atuação, equipe foi derrotada por 5 a 0 em Quito

FOTO: JOSE JACOME / AFP

A retomada da Libertadores foi da pior maneira possível para o Flamengo. Nesta quarta-feira, o time comandado por Domènec Torrent teve uma atuação desastrosa e foi goleado por 5 a 0 pelo Independiente del Valle, novo líder isolado do Grupo A. Para Isla, o resultado foi uma vergonha.

Para o lateral-direito, a equipe equatoriana fez uma grande partida, e também pesou para o Flamengo a parte física por causa dos efeitos da altitude de 2.800 metros de Quito.

– Não conseguimos fazer o que queríamos, propor nosso jogo contra um rival que foi o vencedor jogando muito bem com todas as suas armas. Para nós é sempre uma vergonha perder por esse resultado. Emocional não acredito (que tenha sido o problema). Os gols foram de fora da área. Aqui a bola vai mais rápido. Mas tentamos da melhor maneira. Estávamos um pouco cansados porque jogar no Equador é difícil. Mas não conseguimos fazer o que queríamos – disse o chileno.

Agora segundo colocado do grupo, o Flamengo segue no Equador, já que na próxima terça-feira enfrenta o Barcelona, em Guayaquil. Ao menos desta vez o fato altitude não será um problema para os comandados de Dome.