Lincoln cresce no conceito de Dome e volta a ter oportunidades no ‘rodízio’ do Flamengo

Atacante esteve próximo de sair por empréstimo ao Grupo City, mas diretoria e treinador descartaram e contam com o atleta

FOTO: MARCELO CORTES / FLAMENGO

Venê Casagrande: Com o rodízio entre os jogadores do elenco promovido pelo técnico Domènec Torrent, Lincoln voltou a ter mais oportunidades no Flamengo. Isso também acontece porque o atacante tem se destacado nos treinamentos e tem mostrado que possui fácil entendimento da fisiologia e do método de trabalho do comandante.

Quando Dome chegou ao Flamengo, a diretoria passou ao treinador que Lincoln estava na lista de jogadores que seriam negociados. Mas, na primeira proposta recebida, o catalão disse à cúpula rubro-negra que quer contar com o jovem. Isso aconteceu após o Grupo City realizar oferta por Lincoln. Quando a diretoria foi conversar com o treinador para debater o assunto, o catalão não aprovou uma saída por empréstimo e disse que gostaria de ter o jogador no elenco. Na visão de Dome, ele tem virtudes “que são importantes” para um centroavante.

LEIA TAMBÉM: Flamengo deseja “feliz aniversário” para Rafinha e torcedores criticam

Essa conversa da diretoria com o treinador do Flamengo aconteceu dois dias antes do jogo contra o Santos, justamente a partida em que marcou o retorno de Lincoln à lista de relacionados. Desde então, o jovem foi convocado para todos os duelos, que foram contra Santos, Bahia e Fortaleza.

APROVEITAMENTO DE LINCOLN NA ‘ERA DOME’:

Desde que voltou a ser relacionado, Lincoln entrou em campo duas vezes, contra o Bahia e diante do Fortaleza. Na vitória sobre o Tricolor baiano, o atacante ficou em campo apenas oito minutos. Já no triunfo sobre o Leão de Pici, o jovem teve mais tempo de mostrar seu valor e jogou por 18 minutos. 

Inclusive, contra o Fortaleza, Lincoln foi elogiado após a partida pois participou do gol de Gabigol, o da vitória, mesmo sem encostar na bola. Na opinião da comissão técnica, o atacante botou em prática o que treina diariamente no Ninho do Urubu e ocupou um espaço do campo para atrair a atenção dos adversários e deixar um companheiro sozinho, neste caso foi o camisa 9, que acertou um belo chute.

Segundo o site “Sofascore”, Lincoln tem os seguintes números juntando as partidas contra Bahia e Fortaleza:- 26 minutos jogados

– 0 gol
– 0 assistência
– 1 passe decisivo
– 1 chute (1 no gol)
– 1/5 duelos ganhos
– 1 falta
– 1 desarme sofrido

Deixe uma resposta