Cobiçados, Arrascaeta e Everton Ribeiro se adequam juntos ao ‘novo’ Flamengo e são elogiados por Dome

A dupla, que esteve envolvida em interesses de clubes do Oriente Médio esta semana, voltou a atuar entre os 11, ante Bahia. Torrent aprovou o que viu: 'Jogaram perfeitamente

Everton Ribeiro e Arrascaeta foram protagonistas contra o Bahia (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo)

LANCE: As coincidências envolvendo Arrascaeta e Everton Ribeiro, esta semana, foram além do fator campo. Isso porque, antes de voltarem a jogar juntos na última quarta-feira, contra o Bahia, ambos receberam propostas de clubes do Oriente Médio – O Al-Nasr, dos Emirados Árabes Unidos, por exemplo, teve as suas propostas pela dupla recusadas. Com essa valorização ratificada pelo Rubro-Negro, os meias brilharam pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

Em Pituaçu, Arrascaeta e Everton Ribeiro voltaram a atuar juntos desde o início das partidas depois de duas rodadas. Desta vez, o camisa 7 realizou uma função distinta da que vinha exercendo, ou seja, aberto no setor direito do ataque. E marcou um gol memorável, justamente posicionado naquele flanco. 

Mapa de calor de Everton: compromisso maior em atuar pelo flanco direito (Foto: Reprodução / Sofascore)

O uruguaio, por sua vez, manteve-se a função que está habituado e foi o armador responsável por pendular em frente à area e servir ao ataque. Foi destaque. Além de uma assistência, marcou dois gols ao invadir a área, como espera Domènec Torrent, que elogiou a dupla:

– Eles (Arrascaeta e Ribeiro) jogaram outros jogos juntos. Quando eu falo que precisamos de tempo, eles também. O time está fisicamente melhor. Os dois jogaram muito bem, jogaram perfeitamente. Acho que Arrascaeta joga melhor por trás do atacante do que do lado. Já o Everton não perde bolas e pode jogar de extremo aberto para dentro – falou Dome, em entrevista coletiva.

Cabe lembrar que uma das principais críticas que Domènec recebera da torcida teve a ver com a não escalação de Arrascaeta e Everton Ribeiro, pilares da construção da equipe vencedora de Jorge Jesus, juntos entre os 11 iniciais.

Agora com Dome, que tem rodado a equipe frequentemente e dá sinais de maior sintonia com as características do plantel, a tendência é que a qualidade da dupla os mantenham juntos em definitivo quando – ou se – houver um “time ideal” neste “novo” Flamengo, sobretudo pela boa adaptação de Everton Ribeiro pelo lado direito do ataque (onde já havia atuado). A acompanhar.

Em tempo: o próximo jogo do Fla será neste sábado, às 17h, contra o Fortaleza. O duelo será realizado no Maracanã e válido pela oitava rodada do Brasileirão.

JOGOS EM QUE ARRASCAETA E EVERTON INICIARAM COM DOME

– Flamengo 0x1 Atlético-MG (1ª rodada do Campeonato Brasileiro)
Diego Alves; Rafinha, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson (Vitinho), Arrascaeta (Pedro) e Everton Ribeiro (Michael); Bruno Henrique e Gabigol.

– Coritiba 0x1 Flamengo (3ª rodada do Campeonato Brasileiro)
César; João Lucas, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson, Arrascaeta Everton Ribeiro; Bruno Henrique (Pedro) e Gabigol (Diego).

– Flamengo 1×1 Grêmio (4ª rodada do Campeonato Brasileiro)
Diego Alves; João Lucas (Renê), Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Gerson (Pedro), Arrascaeta Everton Ribeiro (Vitinho); Bruno Henrique e Gabigol.

– Bahia 3×5 Flamengo (7ª rodada do Campeonato Brasileiro)
Gabriel Batista; Isla (Thuler), Rodrigo Caio, Léo Pereira e Renê; Willian Arão, Thiago Maia (Diego) e Arrascaeta (Vitinho); Everton Ribeiro, Pedro Rocha (Michael) e Pedro (Lincoln).

Deixe uma resposta