Gerson descarta Benfica, e Flamengo negocia reajuste salarial com meia

Foto: Guito Moreto / Agência O Globo

Desde antes de Jorge Jesus confirmar sua saída do Flamengo para o Benfica, de Portugal, o nome de Gerson passou a ser bastante falado na imprensa portuguesa. Especulações dão conta de que o clube ‘encarnado’ gostaria de contratar o jogador, principalmente, após a ida de Mister, que tem o desejo de contar com o meia.

No entanto, de acordo com o jornalista Diogo Dantas, do jornal Extra, os planos do Fla para Gerson diferem bastante da ideia de vendê-lo. O objetivo do clube, inclusive, é sentar com o jogador ao fim de 2020 para lhe oferecer um novo contrato, com reajuste salarial, mesmo que o vínculo com o meia seja até 2023.

Ainda conforme informações divulgadas pelo portal, tanto Gerson quanto seu estafe – composto por seu pai Marcão e Neymar Silva – entendem que o momento é do jogador focar em conseguir uma vaga na Seleção Brasileira, comandada por Tite. Por isso, o entendimento é que o jogador não deve deixar o Brasil neste momento. Ainda mais para ir para uma equipe considerada mediana na Europa.

Para ‘seduzir’ Gerson e o Flamengo, apenas com propostas acima de 35 milhões de euros. A multa rescisória do atleta junto ao Mais Querido é de, aproximadamente, 60 milhões de euros (algo próximo a R$ 395 milhões na cotação atual). O Benfica, todavia, não chegaria nem perto dessa quantia. Ademais, o clube europeu demorou a pagar a multa de Jorge Jesus e, por isso, o Mais Querido teme um possível “calote”.

Enquanto os planos do Rubro-Negro e de Gerson coincidem, ele estará à disposição de Domènec Torrent para o próximo compromisso do Fla, no domingo (30), contra o Santos. A partida, válida pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro, acontece às 16h (horário de Brasília), na Vila Belmiro, com transmissão da TV Globo e do Premiere.

Deixe uma resposta