Fla tenta contratar Montiel e River Plate aceita negociar lateral, mas faz exigência para acordo ser oficializado

Com a saída de Rafinha, o Mais Querido do Brasil busca laterais no mercado; Isla já chegou e agora o foco é ter um defensor mais jovem e talentoso no elenco

Foto: Getty Images

BolaVip: A saída de Rafinha fez o Flamengo buscar laterais no mercado. Maurício Isla já foi contratado e deve chegar ao Rio de Janeiro neste sábado (22). O chileno foi seduzido pelo grande projeto Rubro-Negro e assinou contrato com o Mais Querido do Brasil. O curioso é que o defensor tinha recusado o Boca Juniors recentemente e argumentou que pretendia permanecer no futebol europeu. 

Os fanáticos do gigante clube argentino ficaram revoltados com o jogador por preferir fechar com Mengão. A torcida flamenguista está muito ansiosa para o atleta já entrar em campo e espera que isso não demore a acontecer. No último jogo, contra o Grêmio, João Lucas se machucou e deve ficar até três semanas longe do gramado. Matheuzinho e Renê disputam uma vaga nos próximos jogos. 

Os dirigentes do Fla também desejam contratar mais um lateral-direito para acabar com qualquer problema. Guga, do Atlético-MG, é um nome muito bem avaliado internamente, mas os valores são considerados elevados e o negócio está emperrado. Se fosse só pela vontade do jovem, ele já estaria vestindo o Manto Sagrado há bastante tempo. Com as tratativas difíceis, o Mengo passa a olhar outras opções. 

De acordo com os comentaristas Guilherme Pinheiro e Ronaldo Kastrup, o Flamengo fez uma sondagem por Gonzalo Montiel, joia do River Plate. O jogador, de 23 anos, é considerado um dos ativos mais importantes do clube argentino. O atleta estava cotado para atuar em algum time do Velho Continente, mas nenhuma proposta agradou e ele continua no futebol sul-americano. 

Afetado pela crise financeira, a imprensa argentina vem noticiando que o River aceita negociá-lo, mas só começa a conversar com um valor inicial de 9 milhões de euros (R$ 59,3 milhões). Os Millonarios detém 80% dos direitos econômicos da promessa e os outros 20% são do próprio defensor.  Vale lembrar que, se o Mengão focar na contratação do lateral, o negócio seria feito para outubro, quando abre novamente a janela de transferências. 

Deixe uma resposta