Saída de Rafinha reacende carência na lateral-direita do Flamengo

A saída de Rafinha para defender o Olympiakos, da Grécia, está bem próxima e pegou a diretoria de surpresa no pior momento possível. Com a janela de transferências internacionais fechada até 13 de outubro, a solução será procurar jogadores que atuem no Brasil ou que estejam sem contrato.

As opções para a posição dentro do clube são João Lucas e Matheuzinho, do Sub-20. O primeiro foi contratado em maio de 2019 após disputar o Campeonato Carioca pelo Bangu. Tendo somente 12 jogos com o mango sagrado, foi pouco lembrado por Jorge Jesus. Na última quarta, contra o Atlético-GO, Torrent preferiu improvisar Rodrigo Caio na lateral a utilizá-lo.

Matheuzinho, de 19 anos, é visto como uma promessa para a posição. Após se destacar no Londrina, foi contratado em fevereiro do ano passado para atuar pelo Sub-20, mas não conseguiu convencer a comissão técnica a ponto de ter uma chance entre os profissionais. Com apenas 3 partidas no clube, a tendência é que ganhe mais espaço com a saída de Rafinha.

Publicado em urubuinterativo.com.