Braz aponta “grandes laterais” no cenário nacional para substituir Rafinha no Flamengo

Em entrevista coletiva transmitida pela Fla TV na tarde desta sexta-feira (14), o vice de futebol do Flamengo Marcos Braz revelou que por conta da janela internacional estar fechada, o Flamengo pode buscar um lateral direito sem contrato para substituir Rafinha, que está de malas prontas para jogar pelo Olympiakus, da Grécia.

– Neste momento a gente pode até priorizar de maneira rápida (se referindo a um jogador livre no mercado) em funçao da janela estar fechada. Se a gente conseguir contratar um jogador que não esteja em outro clube, ele pode ser inscrito imediamtente. Vamos ver isso esses dias […] mas evidente que é difícil, é longe de ser confortável você repor um jogador como o Rafinha, mas vai ser reposto.

Quando perguntado nominalmente sobre o interesse em algum jogador, Braz foi firme ao dizer que não iria falar sobre o assunto para “não atrapalhar as negociações”, mas revelou que o clube também pode contratar um lateral direito que atue no Brasil. Porém, o vice de futebol, entende que seria uma negociação mais difícil, uma vez que a temporada já se iniciou.

– Acho que têm bons laterais, grandes laterais (no Brasil) mas não é só parte técnica. A gente precisa ver se esse lateral que a gente detectar vai querer vir para o Flamengo. Os campeonatos começaram e os jogadores se comprometeram com os dirigentes. Não vai ser fácil, mas é dever nosso buscar este lateral.

Desde a indicação que Rafinha ia de fato sair do Flamengo, algumas especulações sobre possíves substitutos apareceram na imprensa. A mais recente delas, divulgada pelo jornalista Heverton Guimarães da Bandeirantes, é de que o Flamengo já teria entrado em contato com o Atlético MG para contratar o lateral direito Guga. E na Espanha, de acordo com o jornal Mundo Deportivo, Domènec teria contatado o ex jogador do Bétis, Antonio Barragán, que está sem clube.

Publicado em ColunadoFla