Fla aceita vender atacante por R$ 51 milhões e Bruno Spindel aguarda proposta

Visando manter todos os 'coringas', a diretoria do Mengão tem priorizado negociar jovens atletas para manter o orçamento sem nenhuma alteração

FOTO: DIVULGAÇÃO

BolaVip: Por: Romário Júnior

Flamengo traçou a meta de não vender nenhum titular até o final desta temporada. Até por isso, a diretoria flamenguista está cedendo muitos jogadores jovens ou outros que não estão nos planos, como foi no caso de Orlando Berrío. Piris da Motta também ficou próximo de sair, mas acabou permanecendo e deve ganhar chances com o treinador Domènec Torrent. 

Nos últimos dias, o Mengão concluiu a venda de Caio Roque para o Grupo City. Os valores ainda não foram confirmados, mas ultrapassariam a casa dos R$ 30 milhões. O lateral-esquerdo é considerado uma das melhores revelações e um atleta talentoso para se tornar um dos melhores laterais em pouquíssimo tempo. Fla só deve divulgar a transação quando a famosa “canetada” acontecer. 

Lincoln recebe sondagens do exterior

Como o Bolavip Brasil publicou nesta semana, Lincoln também continua cotado para ser negociado. O Mais Querido do Brasil espera receber uma boa proposta para bater o martelo sobre a possível saída do centroavante. A jornalista Raisa Simplicio informou neste sábado (08), que o Flamengo ‘topa’ vender o garoto de 20 anos por cerca de 8 milhões de euros (R$ 51 milhões na cotação atual)

Se caso o atacante fosse vendido por essas cifras, o Mengo já embolsaria mais de R$ 80 milhões com essas duas negociações. Assim, o orçamento do clube abriria espaço para uma possível chegada de um lateral-direito, algo que esteve na prioridade no começo do ano, mas esfriou devido a pandemia. Mesmo negando oficialmente, a diretoria do Fla está de olho bem aberto para o mercado. 

O gestor de futebol do Fla, Bruno Spindel, conversa com os representantes de Lincoln e eles estão autorizados a buscar interessados. A expectativa é que algum clube europeu apareça disposto a contratá-lo ainda nesta janela de transferências. Vale lembrar que o garoto tem contrato com Fla até dezembro de 2023.  

Deixe uma resposta