Galvão questiona saída de Jesus do Flamengo: ‘Fez uma promessa e acabou por não cumprir’

Treinador deixou o Rubro-Negro para retornar ao Benfica

Jorge Jesus se despediu oficialmente do Flamengo nesta segunda-feira, em almoço com jogadores e funcionários no Ninho do Urubu. Durante o “Bem, Amigos!”, o narrador Galvão Bueno questionou a escolha do treinador em voltar para Portugal e reforçou que ele quebrou o acordo que havia feito com o clube.

“Quem se lembra dele dizendo: “Saio para clubes que cabem nos dedos de uma das mãos”? Ou seja, seriam os cinco maiores, de grande destaque, um direito inteiro que ele tem. Com todo respeito ao Benfica, não me parece que o Benfica seja um desses dedos de uma das mãos. Eles mudam constantemente, mas você fica na Inglaterra, você tem Manchester United, Manchester City, Liverpool, Bayern de Munique (Alemanha)… Não seria o caso do Benfica. Ele fez uma promessa entre aspas, assumiu um compromisso moral com a direção, com o clube, e para mim acabou por não cumprir”, disse Galvão.

O Flamengo ainda analisa os nomes para o cargo deixado pelo português. Até o momento, não há um nome definido como alvo pela diretoria.