Jornal afirma que presidente do Benfica vem ao Rio tentar contratar Bruno Henrique, Gerson e Arão

Na última sexta-feira (17), o Flamengo oficializou a saída do treinador Jorge Jesus e, pouco tempo depois, o Benfica anunciou o técnico como o novo comandante do elenco português. Entretanto, de acordo com o jornal local ‘Record’, Mister não foi o único alvo da equipe européia. O periódico revelou que o presidente do clube, Luís Filipe Vieira, vem pessoalmente até o Rio de Janeiro tentar convencer e contratar o trio rubro-negro formado por Bruno Henrique, Gerson e Willian Arão.

O veículo ainda informa que, apesar da pretensão de contratar os três jogadores, o objetivo é conseguir convencer pelo menos um deles, com o atacante Bruno Henrique sendo a prioridade. Entretanto, como o Mais Querido não tem o desejo de vendê-los, o jornal sugere que o clube deve dificultar as negociações, vendendo os atletas apenas pelo valor da multa prevista em contrato.

E por falar em multa, este é um dos fatores apontados como a maior dificuldade que o Benfica terá. Isso porque, a multa de Bruno Henrique é de aproximadamente 35 milhões de euros. Já a de Gerson, é ainda maior, chegando à casa dos 60 milhões de euros. O euro, neste domingo (19), chegou ao valor exato de R$ 6,16. Ou seja, se somada as multas dos dois jogadores, mais a de Willian Arão – que é de aproximadamente R$ 20 milhões – ultrapassa os R$ 590 milhões, tornando a negociação praticamente inviável para o clube de Portugal.

O vice-presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz, em uma oportunidade, demonstrou tranquilidade no que diz respeito aos jogadores. Segundo o dirigente, para levar os atletas, é só assinar o ‘cheque’ e pagar a multa: “Faz o cheque. Só um aí tem multa de 60 milhões de euros. Estou confortável e tranquilo, não chegou nada. Se quiserem, paguem a multa”, disse ele em entrevista ao Uol Esporte.